Os 40 Benefícios do Jerimum Para Saúde!

Os 40 Benefícios do Jerimum Para Saúde!

Revisado por

Formado em Medicina Geral pela USP!

Especialista do Dr. Saúde

Os Benefícios do Jerimum Para Saúde de onde pode se aproveitar quase tudo dela. Além disso o Jerimum é uma hortaliça tipicamente tropical. Existem diversas espécies, destacando-se o Jerimum rasteira e a moranga.

A aboboreira é uma planta de caule herbáceo rastejante, folhas grandes e de coloração verde escura. É Mais conhecida como Abóbora é chamada de Jerimum no Norte e nordeste, já no sul e sudeste é conhecida como moranga.

jerimumA cor da casca pode ser alaranjada, amarela, verde, branca e até roxa. A polpa geralmente é alaranjada ou amarela. Conforme a espécie, apresenta formatos esféricos, esféricos achatados ou esféricos alongados.

O Jerimum possui poucas calorias e muito sabor são as qualidades apreciadas dessa espécie que faz um bonito papel nas mais variadas preparações culinárias.

Vale a pena experimentar e conferir os resultados positivos na balança Assada, fervida, cozida no vapor ou no microondas, o Jerimum é um alimento versátil e tanto pode ser o ingrediente principal de um prato doce quanto o de um salgado.

Da entrada até a sobremesa, ela tem um belo papel. Muito utilizada na alimentação brasileira tem um sabor inconfundível, com um toque meio adocicado faz bonito também como acompanhamento de carnes, substituindo alimentos bem mais calóricos.

Conteúdo do Artigo:

Tipos de Jerimum:

Dentro da família dos Jerimuns, chamadas de curcubitáceas, existem várias espécies. Todas elas têm baixas calorias. Só é preciso ficar atenta aos ingredientes agregados na hora do preparo para não tornar o prato calórico demais.

Tendo esse cuidado, qualquer tipo de Jerimum é bem-vindo numa alimentação equilibrada. As principais espécies são:

Menina Brasileira ou Jerimum de Pescoço: É a mais comum no Brasil e a maior, chegando a pesar até 15 kg. É alaranjada, tem textura fibrosa e é mais úmida. Pode ser utilizada em pratos doces ou salgados. E, também, consumida crua, ralada fina, em saladas.

Paulista: Idêntica à menina brasileira, só que o seu tamanho não passa de 1,5 kg. Também pode ser usada em sopas, refogados, chutney e doces variados.

Moranga: Tem o gosto mais delicado e a consistência menos densa. Sua polpa alaranjada é utilizada em refogados e sopas e a sua casca é um ótimo recipiente para sopas ou o conhecido Camarão na Moranga.

Brasileirinha: Apresenta uma casca verde e amarela. Pode ser consumida antes de amadurecer, em refogados, quando apresenta uma polpa verde, ou madura, já com o interior alaranjado.

Italiana: É a tão conhecida abobrinha que fica ótima em pratos salgados, refogada, recheada e grelhada.

Japonesa ou Cabotiá: Bem mais consistente e menos úmida, esta Jerimum tem um sabor delicado. Ela é ideal e bastante usada principalmente na preparação de pratos salgados.

Jerimum do Campo: Tem o formato de uma pêra imensa, com numerosas sementes. A polpa é alaranjada com sabor mais doce e um requisitado ingrediente para fazer doces, pães e bolos.

Espaguete: Também chamada de gília, é um Jerimum com um alaranjado mais pálido e que, depois de cozida, a sua polpa se separa como se fosse longos fios de espaguete. Muito usada em pratos salgados.

Origem do Jerimum:

Originária da Guiné, o Jerimum chegou ao Brasil, no século XVI, pelas mãos dos portugueses. Hoje, é muito conhecida em todo o país, e chamada por diferentes nomes, como jerimum, no Norte e como moranga, no Sul.

Tem alto valor nutritivo, contém caroteno, um elemento ótimo para fortalecer a visão, vitaminas do complexo B e sais minerais. Com baixas calorias, (40calorias/100g) dela tudo se usa, inclusive suas sementes, seus brotos e sua flor.

As sementes podem ser torradas e salgadas, usadas como aperitivo e as flores feitas à milanesa, são uma sugestão gostosa para uma entrada diferente. Quando verdes, bem novinhas, ficam gostosas ensopadas ou recheadas. Ela é usada ainda em sopas, purês e suflês.

Como Consumir o Jerimum:

Dela só não aproveitamos as cascas. Quando se cultiva o Jerimum pode-se aproveitar partes da cultura que não encontramos normalmente nas feiras, como as folhas (cambuquira), que são a parte mais rica do Jerimum, podem ser refogadas ou colocadas em sopas.

As flores podem ser preparadas à milanesa, refogadas com cebola ou rechear omeletes. Os brotos refogados são uma verdadeira mina de ferro, indicados para recuperação de casos de anemias ajudando na formação dos glóbulos vermelhos.

Do miolo faz-se doces, bolos, refogados, purês, suflês, nhoques. é só imaginar que o Jerimum completa. As sementes também são ricas em ferro e fornecem um ótimo aperitivo quando tostadas no forno com um pouco de sal.

Valor Nutricional do Jerimum:

Jerimum é baixo em calorias, elas fornecem apenas cerca de 25 calorias por 100 gramas de consumo. Eles são ricos em carboidratos e fibras alimentares. Jerimum também são uma boa fonte de vitaminas e contêm Vitamina A, vitamina B, Vitamina C, Vitamina E e Vitamina K.

Minerais, como o Ferro, o Cálcio, Magnésio, Fósforo, Manganês e Zinco são encontrados nas mesmas. Então, confira agora Os 40 Benefícios do Jerimum Para Saúde:

1. Jerimum Combate a Constipação:

Possuindo alto teor de fibras, o Jerimum também ajudará a reduzir todos os sintomas da constipação.

2. Favorece o Período Gestacional:

O Jerimum e suas sementes podem ser altamente benéficas para saúde de gestantes e também do feto. Ricos em proteína, zinco, vitamina A, folato e outras vitaminas importantes, a carne da Jerimum e as sementes podem suportar as necessidades de seu bebê.

3. Benefícios do Jerimum Para Aumentar a Testosterona:

O Jerimum também podem apoiar níveis saudáveis ​​de testosterona e, por sua vez, esse efeito combinado beneficia a fertilidade.

jerimum benefícios4. Benefício do Jerimum Contra Fraqueza Muscular:

O Jerimum é rico em Potássio. A carência de potássio pode causar problemas de crescimento, fraqueza muscular e até mesmo nervosismo, essa deficiência pode trazer fraqueza, tonturas e dores, lembrando que o excesso d também trazem danos.

5. Jerimum Atua na Regulação do Intestino:

Tanto as fibras solúveis quanto as insolúveis presentes nesse vegetal possuem importante papel na atividade intestinal.

A primeira capta água e provoca reações de fermentação, estimulando o crescimento de bactérias benéficas, que melhoram o funcionamento do órgão, garantindo frequência de evacuações.

6. Elimina os Metais Tóxicos do Organismo:

Esse Vegetal contém muitas fibras e uma alimentação com fibras evita que, no longo prazo, metais indesejados se acumulem no organismo e tragam danos à saúde.

7. O Jerimum Pode dar Saciedade:

Em contato com a água do estômago, as fibras solúveis se transformam em um gel, ajudando quem quer emagrecer por garantir saciedade e, claro, evitando os exageros durante a refeição. Elas também tornam a digestão mais lenta, mantendo a fome controlada por mais tempo.

8. Benefícios do Jerimum Para Digestão:

A digestão de proteínas é extremamente vital para a absorção de aminoácidos no corpo. As enzimas tais como a pepsina ativadas pelos sucos gástricos iniciam a digestão das proteínas no estômago.

O processo de digestão continua e termina no intestino delgado juntamente com a absorção de péptidos e aminoácidos na corrente sanguínea.

9. Jerimum Beneficia as Juntas:

Como já mencionado, o corpo contém uma proteína estruturada chamada colágeno que ajuda no fornecimento de andaimes estruturais para as células.

O colágeno também ajuda na manutenção da saúde óssea.

10. Atua na Regeneração Celular e de Tecidos:

A renovação e restauração de células e tecidos é extremamente importante para a manutenção do corpo saudável.

O corpo precisa de fornecimento constante de aminoácidos para a formação de proteínas que fabricam novas células e tecidos, tais como cabelo e pele.

11. Benefício do Jerimum no Transporte Molecular:

Outra tarefa principal realizada por proteínas é o transporte e a armazenagem de várias substâncias através das membranas celulares. Isso é vital para a fluidez do sangue e nutrição do corpo.

12. Jerimum Proporciona um Cabelo Saudável:

As proteínas do Jerimum ajudam a manter o cabelo saudável e protege-los de danos. Estudos realizados a este respeito têm defendido o papel das proteínas como um modulador do crescimento do cabelo.

As proteínas são amplamente utilizadas na fabricação de produtos para o cabelo, tais como condicionadores.

13. Benefícios do Jerimum Como Fonte de Energia:

As proteínas também podem beneficiar o corpo por ser uma fonte de energia. O consumo da dieta que não consegue fornecer energia suficiente para o corpo durante programas de fome ou perda de peso faz com que o organismo use suas funcionais a fim de compensar.

14. Jerimum Atua no Equilíbrio do Fluído:

O equilíbrio e regulação de fluidos presentes no corpo é outra tarefa crítica realizada pelas proteínas no Jerimum que atribuem ao seu efeito sobre osmose.

15. Protege o Sistema Nervoso:

Outra tarefa importante realizada por proteínas nao Jerimum é o bom funcionamento do sistema nervoso. O sistema nervoso do corpo é ativado sempre que é acionado e, por sua vez, reage com uma reação adequada.

16. Benefícios da Jerimum Para Saúde Muscular:

As proteínas desempenham um papel importante na contração muscular e coordenação. As proteínas estão presentes nos tecidos musculares sob a forma de diversos microfilamentos e fornece a estrutura muscular. O crescimento do músculo depende da adequação no corpo.

17. Atua na Prevenção do Diabetes:

Para quem não tem a doença, os Jerimum podem ajudar a reduzir o risco de desenvolvê-la, pois como foi dito anteriormente, ela tem um rico valor nutritivo, com antioxidantes e agentes que colaboram na proteção do organismo.

18. Benefício do Jerimum Para Saúde dos Rins:

O Consumo regular do Jerimum é recomendado para pacientes com pedras nos rins e doenças relacionadas vesícula. Mesmo úlceras e acidez podem ser mantidos à distância pelo seu consumo.

19. Atua Contra o Derrame:

O consumo do Jerimum está altamente associado ao combate e redução do risco de derrame devido a sua alta proporção de magnésio e potássio.

20. O Jerimum é Rico em Betacaroteno:

De acordo com um estudo, dietas ricas em betacaroteno mostraram um efeito positivo no tratamento do câncer de próstata. O Jerimum é um dos alimentos com maior concentração de betacaroteno encontrado na natureza.

21. Benefício da Jerimum Para Saúde da Pele:

Com base no conteúdo antioxidante do Jerimum, muitas empresas agora utilizam suas propriedades para produzir produtos de cuidados da pele.

Sim, é certo o Jerimum pode ser aplicado topicamente, ajudando a aumentar o volume de tecidos celulares, resultando em uma pele mais lisa e saudável.

22. Combate os Radicais Livres:

O Jerimum é embalado com carotenoides, que ajudam a proteger suas células contra danos causados pela ação dos radicais livres.

23. Jerimum Ajuda a Perder Peso:

De acordo com o especialista em nutrição, o Jerimum é um alimento ideal para quem precisa perder peso por conter poucas calorias e ser rica em fibras.

E esse é um dos benefícios mais buscados de fato. Um copo contém 3g de fibras, aproximadamente 50 calorias e nenhuma gordura.

24. Benefícios do Jerimum Contra o Câncer da Próstata:

Desde o início do século 20 que sementes de Jerimum são usadas no tratamento do aumento, ou hiperplasia da próstata. De acordo com o especialista em fitoterápicos, a semente contém componentes chamados fitoesteróis que podem auxiliar na diminuição da próstata se ingeridas em boa quantidade três vezes por semana.

25. Benefício da Jerimum Para Tratar Vermes Intestinais:

Há registro do consumo de sementes de Jerimum para tratar infestação de parasitas do intestino em humanos e animais de estimação, tanto entre índios americanos, quanto entre nativos africanos e mesmo por populações do interior do Brasil.

26. Jerimum Regula a Pressão Arterial:

Pesquisas mostram que o óleo de semente de Jerimum é cheio de fitoestrógenos, substâncias benéficas para a prevenção da hipertensão.

Em estudos de laboratório, o consumo do óleo ajudou a baixar a pressão cardiovascular em apenas 12 semanas.

27. Melhora a Saúde Sexual do Homem:

O zinco, presente em quantidade significante nas sementes de Jerimum, é um mineral fundamental na saúde sexual do homem porque regula a produção de hormônios masculinos determinantes para a fertilidade, ereção e desejo sexual.

28. Benefício do Jerimum Para a Qualidade do Sono:

Sementes de Jerimum são ricas em triptofano, um aminoácido responsável por auxiliar na produção de serotonina no nosso corpo. Um neurotransmissor que melhora o humor ajuda a relaxar e a dormir melhor.

29. Benefícios do Jerimum Para Fortalecer o Sistema Imunológico:

Vegetais como o Jerimum, ricos em betacaroteno e vitamina C combinados, oferecem um reforço ao sistema imunológico devido à complementação ponderosa entre tais nutrientes.

30. Melhora a Saúde da Mulher:

Segundo publicações da Harvard Medical School, o consumo de vegetais ricos em ferro como o Jerimum, melhora o nível de fertilidade nas mulheres.

Estudos também mostram que a vitamina A, também presente em forma de betacaroteno, é essencial para a síntese de hormônios durante a gravidez e o período de amamentação.

31. Jerimum Previne Rugas:

Esse não está entre os benefícios do Jerimum mais conhecidos mas é muito interessante. Especialistas afirmam que o Jerimum é uma ótima fonte de vitamina A, um anti-idade que estimula o processo de renovação celular e aumenta a produção de colágeno diminuindo a formação de rugas e deixando a pele mais macia e com uma aparência mais jovem.

32. Enriquece a Dieta de Bebês:

O purê de Jerimum pode ser introduzido já no primeiro ano do bebê. Por ser um alimento rico em vitaminas, betacaroteno, potássio, proteína e ferro, ele é altamente recomendado por pediatras. O seu sabor adocicado e a textura cremosa faz com que o bebê o aceite com facilidade.

33. Benefício do Jerimum na Saúde dos Olhos:

Jerimum é um dos vegetais com maior concentração de betacaroteno. Uma vez ingerido, o betacaroteno se transforma em vitamina A, um antioxidante natural que age efetivamente na manutenção da integridade da pele e das mucosas e na qualidade da visão.

34. Benefícios do Jerimum Contra Câncer:

O betacaroteno encontrado no Jerimum pode reduzir o risco de câncer. As dietas ricas em betacaroteno tem sido associadas a um risco reduzido de certos cânceres, incluindo mama, próstata, pulmão, do colo do útero e pele.

35. Jerimum Regula o Colesterol:

As sementes de Jerimum são ricas em ácidos graxos e proteínas, que ajudam a regular os níveis de colesterol, protegem contra a artrite, promovem a pele saudável, e melhoram a função cerebral.

36. Benefícios da Jerimum no Tratamento Hipertensão:

Jerimum contém grande quantidade de potássio e zinco para prevenir o aparecimento de doenças cardiovasculares e hipertensão arterial (pressão alta). O zinco também é ótimo para o sistema imunológico, pele e fertilidade.

37. Jerimum Previne Problemas na Próstata:

O Jerimum deve entrar na dieta de cada homem por uma boa razão. O câncer de próstata é o tipo de câncer mais comum em homens.

As próstatas cancerígenas mostram muito menos zinco em comparação com próstatas saudáveis ​​e vários estudos implicaram deterioração do status de zinco no desenvolvimento e progressão da malignidade da próstata.

38. Promove a Saúde do Coração:

O aumento da ingestão de fibras também pode ajudar a protegê-lo de doenças cardíacas, mostram pesquisas. De fato, um estudo de mais de 67 mil mil mulheres ao longo de um período de 10 anos demonstra que uma dieta rica em ingestão de fibra reduz o risco de doença cardíaca.

benefícios do jerimum39. Jerimum Promove uma Boa Noite de Sono:

A Jerimum é rica em triptofano, um aminoácido que se converteu em serotonina, o que também pode explicar o pós-sonho da Ação de Graças. A serotonina é o neurotransmissor “se sentir bem” que ajuda você a se acalmar, descontrair e dormir por dormir.

40. Auxilia na Produção de Colágeno:

Este é um dos benefícios da fruta mais procurados pelas mulheres, pois combate diversos problemas de pele.

Efeitos Colaterais da Abóbora: 

Por conter boas quantidades de antioxidantes, o consumo de abóbora está ligado à redução no risco de certos tipos de câncer, doenças cardiovasculares, derrames e problemas nos olhos, como a catarata.

As fibras da abóbora ajudam a diminuir a sensação de fome e por isso fazem parte de dietas para controle do peso. Já o ferro e o zinco estão relacionados, respectivamente, à formação adequada dos glóbulos vermelhos e ao bom funcionamento do sistema imunológico.

Receitas  de Jerimum:

Salada de Jerimum:

INGREDIENTES:

  • 4 xícara (chá) de abóbora moranga ou pescoço em cubos,
  • 2 colher (sopa) de azeite extravirgem,
  • Limão, sal e ervas frescas (sálvia, salsinha e cebolinha) à vontade.

MODO DE PREPARO:

  • Cozinhe a abóbora até ficar al dente.
  • Escorra a água e tempere a abóbora ainda quente.
  • Sirva fria.

Rende: 4 porções
Calorias por porção: 80

Abóbora assada:

INGREDIENTES:

  • 1/2 abóbora japonesa com a casca, cortada em fatias,
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto,
  • 1 pitada de noz-moscada,
  • 1 dente de alho picadinho,
  • 2 col. (sopa) de azeite extravirgem.

MODO DE PREPARO:

  • Espalhe as fatias de abóbora em uma assadeira antiaderente forrada com papel-manteiga.
  • Em uma tigelinha, misture os temperos: o sal, a pimenta-do-reino, a noz-moscada, o alho e o azeite.
  • Mexa bem e espalhe (ou pincele com a ajuda de um pincel culinário) sobre a abóbora.
  • Leve ao forno preaquecido a 180 oC e asse por 30 minutos ou até a abóbora ficar macia (faça o teste espetando um garfo). Sirva em seguida.

Rende: 5 porções
Calorias por porção: 76

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

Deixe seu Comentário

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Osmar Junior Costa

Sou formado em medicina pela USP no ano de 2012, com especialização em Clínico Geral. Atuo na área de estudo e orientação inicial de doentes; Coordenação de exames de saúde regular; Diagnóstico e tratamento de grande parte das doenças de adultos; Acompanhamento e tratamento de doentes crônicos; Orientação de pacientes que apresentam quadros complexos, com patologias raras e múltiplas, juntamente com a participação de outros especialistas, quando for necessário; Integração final de dados clínicos e exames complementares, decorrentes da observação dos pacientes por outro especialista.

Atualmente sou Clinico Geral residente no Hospital Regional de Cotia e Editor no site "Dr. Saúde" onde tenho participação com comentários, e criação de artigos relacionados a saúde.

Os 15 Benefícios do Limão Bravo Para Saúde

Os 20 Benefícios do Chá de Cascara Sagrada Para Saúde