Vitamina E – Fontes, Benefícios e Deficiência

Vitamina E – Fontes, Benefícios e Deficiência

Revisado por

NUTRIÇÃO - CRN6-MA 16199

A Vitamina E é composta por oito substâncias similares chamadas de tocoferóis. É denominada de vitamina lipossolúvel. Ou seja, ela possui solubilidade em lipídio, pois ela precisa de gorduras para ser absorvida por nosso organismo. Caso não seja consumida junto com substâncias oleosas, ela não é absorvida de forma eficaz.

vitamina e

A Vitamina E é uma vitamina lipossolúvel formada pelo vitâmeros tocoferóis e tocotrienois. Está associada também a outros papeis biológicos como funções imunológicas, regulações gênicas, e sinalização celular. O alfa-tocoferol é uma molécula capaz de inibir a proteína kinase C (PKC), uma enzima responsável por controlar o ciclo celular.

Além disso esta vitamina pode aumentar a ação de prostaciclinas no endotélio, fazendo os vasos sanguíneos dilatarem diminuindo a agregação plaquetária. Além disso outros estudos têm tentado relacionar a suplementação com Vitamina E com a proteção ao câncer de próstata.

O que é Vitamina E?

A Vitamina E, chamada tecnicamente de tocoferol, é uma das vitaminas lipossolúveis (que dependem de gordura para absorção) necessárias para o bom funcionamento do organismo.
Essa vitamina possui potente ação antioxidante, conferindo proteção à membrana que reveste as células do corpo e também para as lipoproteínas, que são responsáveis por transportar o colesterol no sangue, dessa forma previne a oxidação causada pelos radicais livres, que podem levar a formação das placas de ateroma, que obstruem a passagem de sangue nas artérias.

Fontes de Vitamina E:

Muitos são os alimentos que possuem esta vitamina e aqui mostramos quais alimentos consumir para encontrá-la. Confira-os:

  • Abacate,
  • Acelga,
  • Ameixas,
  • Amêndoa,
  • Amendoim,
  • Aspargo,
  • Pistache,
  • Sementes de girassol,
  • Uva,
  • Avelã,
  • Brócolis,
  • Castanha-do-pará,
  • Cereais integrais (trigo, aveia, centeio, arroz, entre outros),
  • Couve,
  • Espinafre,
  • Fígado,
  • Gema do ovo,
  • Kiwi,
  • Mamão,
  • Manga,
  • Óleos vegetais.

Além destas fontes, ela também pode ser encontrada em quase todos os vegetais escuros. Algumas frutas, também são ricas em Vitamina E e podem ser livremente consumidas, uma vez observadas as possíveis restrições médicas. Então, confira também os Benefícios da Vitamina E Para Saúde:

Benefícios da Vitamina E Para Saúde:

Promove a Saúde Hormonal:

Esta vitamina pode ajudar a desempenhar um papel crucial no equilíbrio do sistema endócrino e nervoso, naturalmente, trabalhando para ajudar a manter seus hormônios equilibrados.
Os sintomas de um desequilíbrio hormonal podem incluir ganho de peso, alergias, infecções do trato urinário, alterações na pele, ansiedade e fadiga.

O equilíbrio dos hormônios auxilia na saúde do metabolismo, e com isso auxilia na perda de peso, ciclo menstrual regular e energia.

Reduz o Colesterol:

O colesterol é uma substância natural produzida pelo fígado e requerida pelo organismo para o bom funcionamento de suas células, nervos e hormônios. Quando os níveis de colesterol estão em seu estado natural, eles são equilibrados, normais e saudáveis.

Quando o colesterol se oxida, torna-se perigoso. Estudos demonstraram que certos isômeros da Vitamina E servem como antioxidantes protetores que combatem a oxidação do colesterol. Isto é porque eles podem combater o dano dos radicais livres no corpo, o que leva à oxidação do colesterol.

Promove a Saúde da Pele:

A Vitamina E beneficia a pele, fortalecendo as paredes capilares e melhorando a umidade e elasticidade, atuando como um nutriente antienvelhecimento natural dentro do seu corpo. Estudos demonstraram que a Vitamina E reduz a inflamação, tanto no corpo como na pele, ajudando a manter uma pele saudável e juvenil.

Estas propriedades antioxidantes também são úteis quando você está exposto à fumaça de cigarro ou a raios ultravioleta da luz solar, protegendo contra câncer de pele.

beneficios da vitamina e

Melhora a Saúde dos Olhos:

A Vitamina E pode ajudar a diminuir o risco de degeneração macular relacionada à idade, que é uma causa comum de cegueira. Tenha em mente, para que a Vitamina E seja eficaz para a visão, ela também deve ser consumida com ingestão adequada de vitamina c, beta-caroteno e zinco.

Também foi descoberto que tomar altas doses de Vitamina E e vitamina A diariamente parece melhorar a cura e a visão em pessoas submetidas a cirurgia ocular a laser.

Promove a Saúde Muscular:

A Vitamina E pode ser usada para melhorar sua resistência física. Pode aumentar sua energia e reduzir o nível de estresse oxidativo em seus músculos após o exercício. A Vitamina E também pode melhorar sua força muscular. Ele elimina a fadiga promovendo a circulação sanguínea e também pode fortalecer suas paredes capilares e nutrir suas células.

Outros Benefícios da Vitamina E Para Saúde:

São diversos os Benefícios da Vitamina E, ela tem importância vital para os recém-nascidos, visto que os bebês com baixo peso ao nascer geralmente têm baixos níveis plasmáticos e armazenamento de Vitamina E, ficando expostos a maior risco de infecção. No geral, esta vitamina pode fornecer os seguintes benefícios:

  • Pode ajudar na melhora da fertilidade;
  • Pode contribuir para o controle do LDL (considerado o “mau” colesterol quando elevado);
  • Tem propriedade anti-inflamatória;
  • Pode melhorar a capacidade cognitiva;
  • Contribui para proteção do cérebro;
  • Rejuvenescimento e cicatrização da pele;
  • Destaca-se o efeito antioxidante por ser considerado um dos melhores para controle dos radicais livres.

Quando a Vitamina E é Indicada?

Como suplemento alimentar, a Vitamina E pode ser utilizada para manter a saúde da pele, aumentando sua elasticidade e prevenindo rugas, para melhorar a circulação sanguínea, auxiliar no controle do colesterol, combater os radicais livre do corpo e prevenir o envelhecimento.

Essa vitamina também fortalece o sistema imunológico e pode ser recomendada com suplemento para casais com problemas de fertilidade.Além disso, em alguns casos de alterações no colesterol, 1000 mg por dia de tocoferol pode fazer parte do tratamento clínico.

Já nos recém-nascidos prematuros, a deficiência de Vitamina E pode causar a retinopatia de prematuridade e sangramento intracerebral, por isso, nesses casos é administrada entre 10 e 50 mg de Vitamina E diariamente sob supervisão médica.

Sinais de Deficiência de Vitamina E:

A deficiência de Vitamina E acomete bebês prematuros com pouco peso e em adultos que possuem uma desordem rara de metabolismo de gorduras (não conseguem absorver a gordura na dieta). Pois como explicado acima, ela é lipossolúvel e só pode ser absorvida pelo organismo quando consumida em conjunto de substâncias oleosas.

A sua rara deficiência também costuma estar ligada à outros problemas de saúde como fibrose cística, síndrome do intestino curto ou obstrução do ducto biliar. De todo modo, há alguns sinais que indicam a falta desta vitamina. São:

  • Perda de reflexos,
  • Problemas de equilíbrio,
  • Alteração no sistema imunológico,
  • Falta de coordenação,
  • Problemas de visão,
  • Infertilidade masculina,
  • Tremores,
  • Dormência,
  • Dificuldades para andar.

Sinais de Excesso de Vitamina E:

Apesar da inexistência de provas científicas que são capazes de provar o que a Vitamina E em excesso causa, a suplementação abusiva, que ultrapassa 1000 mg diários desta vitamina, podem levar esta a realizar um efeito oxidante no nosso organismo.

fontes de vitamina e

Quantidade Recomendada de Vitamina E:

A dieta recomendada (RDA) é de 15 miligramas (ou 22,4 UI) para pessoas maiores de 14 anos, de acordo com os Institutos Nacionais de Saúde (NIH). As mulheres que estão amamentando podem precisar de um pouco mais. O RDA para mulheres em lactação é de 19 mg (28,4 UI). O limite superior de segurança é de 1.000 mg (1.500 UI).

A maioria das pessoas é capaz de obter níveis dessa vitamina suficiente de uma dieta saudável e não precisa de suplementos. Sempre consulte um médico antes de tomar qualquer suplemento, especialmente se você está tomando medicamentos. De acordo com especialistas dos Estados Unidos, 221 medicamentos são conhecidos por interagir com a Vitamina E.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

Deixe seu Comentário

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Ana Karolynne Goncalves

Sou graduada no curso de Nutrição pela Universidade Federal de Maranhão (UFMA), do CRN6-MA 16199, com Mestrado na área da Nutrição Clínica com relação ao metabolismo, prática e terapia nutricional, realizado também na Universidade Federal de Maranhão (UFMA). Atualmente trabalho no campo de pesquisa sobre a Qualidade e Inovação em Alimentos, e também atuo como editor no site Dr. Saúde, utilizando todo meu conhecimento para trazer qualidade de vida para nossos leitores.

Vitamina C – Fontes, Benefícios e Deficiência

vitamina a beneficios

Vitamina A – Fontes, Benefícios e Deficiência!