Os 10 Benefícios do Óleo de Menta Piperita Para Saúde!

Revisado por

Educação Física pela UGF

Especialista do Dr. Saúde

Os Benefícios do Óleo de Menta Piperita Para Saúde São Variados. portanto, O  é um famoso óleo medicinal que também é conhecido como Óleo de Menta Piperita que serve para uma grande quantidade de males. Tanto o óleo puro como os cremes desenvolvidos com ele servem para amenizar dores, expectorar o peito em casos de gripe e até mesmo para reduzir febre.

oleo de Menta Piperita beneficios

Óleo de Menta Piperita é um dos óleos mais vendidos do mundo, ele é retirado das folhas e do caule da menta através de um processo de destilação.

Por conta do seu poder analgésico, anti-séptico a menta está presente nos mais variados tipos de produtos, desde pastas de dentes, até aromatizadores de ambientes, cremes e óleo para dores e muitos outros. As folhas e os caules da menta, de onde o Óleo de Menta Piperita é retirado, possuem vitaminas A, B e C, além de minerais como cálcio, fósforo, potássio e ferro.

O óleo de menta é um famoso óleo medicinal que também é conhecido como Óleo de Menta Piperita que serve para uma grande quantidade de males. Tanto o óleo puro como os cremes desenvolvidos com ele servem para amenizar dores, expectorar o peito em casos de gripe e até mesmo para reduzir febre.

Óleo de Menta Benefícios Para que Serve:

Essas propriedades do Óleo de Menta Piperita o fazem servir, como já dissemos para os mais diferentes usos tendo sua capacidade terapêutica comprovada por diversas pesquisas.

Quem adquire o Óleo de Menta Piperita puro consegue usá-lo para aliviar problemas de estômago e intestino, incluindo o mau-hálito. Apenas uma gota do óleo de menta pode melhorar o hálito e aliviar azia, má digestão e até flatulências.

1. Mau-hálito:

Apenas uma gota é suficiente para tornar o hálito agradável. O óleo pode substituir o creme dental, bastando colocar duas gostas sobre a escova.

2. Problemas de Estômago e Intestino:

Dores abdominais, azia, má digestão, enjoo, flatulência e desconforto gástrico são alividos com o Óleo de Menta Piperita puro. No caso de vômitos pode-se tomar uma gota após, o que causa grande conforto. O Óleo de Menta Piperita funciona como bom digestivo, por isso, ingerir duas gotas com água após uma comida pesada faz muito bem ao estômago. Esta recomendação é contraindicada se sofrer de gastrite.

3. Prisão de Ventre:

Óleo de Menta Piperita atua com laxante natural se tomado em jejum misturado duas gotas em um copo de água cheio.

4. Dor de Cabeça:

Em caso de dores de cabeça, ingerir uma gota diluída um copo de água e, com as pontas do dedos, sempre tendo muito cuidado com os olhos, massagear o ponto principal da dor utilizando o óleo. Leve em consideração que a dor de cabeça é um problema que pode ter inúmeras causas. Se a sua for persistente e cíclica, procure um bom profissional de saúde o mais rápido possível.

5. Dor de Dente:

Nas dores de dente pode-se pingar uma gota diretamente na cárie. Em caso de dores não associadas à cárie apenas ingerir uma ou duas gotas e massagear a região do dente pelo lado de fora da boca. Lembre que essa medida é paliativa e que o dentista tem que ser procurado o mais rápido possível já que a dor de dente não tratada pode ter conseqüências graves.

6. Coceiras e Picadas de Insetos:

As coceiras, mesmo fortes, e as picadas de insetos que causam irritação, são imediatamente aliviadas com o Óleo de Menta Piperita. Basta aplicar duas ou três gotas sobre a coceira e massagear até que o óleo espalhe bem.

7. Tensão Nervosa e Insônia:

Uma gota de Óleo de Menta Piperita diluída em um copo de água, tomada meia hora antes de dormir, ajuda muito no relaxamento. O óleo de menta também deve ser esfregado com as mãos e inalado em forma de concha. Esta atitude amplia o potencial respiratório, acalma os nervos, estimula o relax e provoca o sono.

8. Gripe, nariz Entupido, Resfriado e Sinusite:

Em estados gripais e resfriados o Óleo de Menta Piperita é coadjuvante e causa grande conforto. Inalado conforme a explicação anterior e esfregado delicadamente pela região externa do nariz, bem como nas faces, ajuda a desentupir e aliviar a sinusite. O óleo de menta pode ser pingado dentro de chás desde que a temperatura destes seja morna ou fria.

Tomado na proporção de duas gotas para um copo de água, funciona como expectorante. Não utilizá-lo em caso de asmas e bronquites já que estes pacientes devem se afastar de cheiros fortes.

9. Ajuda a Eliminar o Chulé:

O óleo de menta substitui os talcos contra odores nos pés. Duas gotas pingadas dentro do sapato ou do tênis ajudam a neutralizar o cheiro forte e dão sensação refrescante aos pés. Você também pode esfregá-lo aos pés, pois, colocado entre os dedos, ajuda a prevenir frieiras.

oleo de Menta Piperita

10. Excelente Para Banhos:

Coloque 5 a 15 gotas de óleo essencial de menta na água de uma banheira e delicie-se.

11. Cólicas Menstruais, Contusões:

Misture 10 gotas do óleo essencial de menta em 100 ml de água quente. Faça uma comprensa, mergulhando molhando uma toalha e colocando-a sobre o corpo.

12. Bom Para Fazer Massagens:

Misture 15 a 20 gotas de óleo essencial de menta, 1 colher de chá de óleo vegetal de gérmen de trigo, 1 colher de óleo vegetal de abacate, depois escolha entre os óleos vegetais de sementes de uva, sementes de girassol, amêndoas doce ou oliva e complete a mistura até atingir 50 ml. Massageie o corpo com a mistura.

Nos aparelhos de sauna a vapor que apresentam duto de saída do vapor voltado para baixo, coloque em uma caneca contendo óleo essencial de menta sobre essa saída, enquanto que nos aparelhos com dosador de essência acoplado, siga as instruções do fabricante. No caso de sauna seca despeje o óleo essencial de menta puro ou misture com água sobre as pedras quentes.

Beneficios do Marolo

Os 12 Benefícios do Marolo Para Saúde

Vitex – Origem, Benefícios e Como Usar!