Benefícios das Plantas

Rooibos – Origem, Benefícios e Como Usar!

Rooibos – Origem, Benefícios e Como Usar de forma correta. Além disso, o Rooibos tem se tornado cada dia mais popular ao redor do mundo devido às suas propriedades semelhantes – em alguns dos efeitos às do chá vermelho. A infusão possui uma coloração avermelhada, sabor suave e doce e é feita com as folhas de um arbusto muito cultivado na África do Sul.

O Rooibos, arbusto usado para fazer o chá, é uma planta que foi muito usada durante séculos pelas tribos da África do Sul para preparar a bebida quente que trazia muitos benefícios à saúde. Alguns estudos indicam que o chá de Rooibos possui propriedades que protegem o coração.

Benefícios do Rooibos

Ajudam a controlar os níveis de açúcar e colesterol ruim no sangue, além de combater e prevenir a infertilidade e outros males que estão relacionados à ansiedade. Possui ação desintoxicante e, por isso, é muito usada por quem busca a perda de peso.

Origem do Rooibos:

Desde tempos imemoriais que na região de Cederberg, na África do Sul, as tribos Khoisan colhiam as folhas do arbusto Aspalathus linearis, que fermentavam e secavam, para preparar uma bebida medicinal. Do ponto de vista da botânica, o Rooibos não é um chá, já que se fabrica a partir das folhas de uma planta que não tem nada a ver com a Camellia chazeira.

Com o quase desaparecimento destas tribos, a história do Rooibos esteve em risco de se perder nas areias do tempo. No entanto, um botânico chamado Carl Humberg descobriu as folhas, e ressuscitou o interesse por esta bebida.

Durante o seculo XVIII, os holandeses estabelecidos em África começaram a consumir Rooibos, como alternativa ao chá preto que atingia nessa época preços exorbitantes. Para preparar a infusão, as famílias colhiam ramas do arbusto que secavam e usavam quase sem processar.

Benefícios do Rooibos:

1. Previne Alguns Tipos de Câncer:

Alguns estudos têm demonstrado uma ligação entre o consumo de chá de Rooibos a uma redução de focos cancerígenos. Isso explica-se devido ao alto nível de antioxidantes dominantes, alguns dos quais com propriedades anti-mutagênico (anti-câncer). Isso significa que eles defendem as células e DNA contra danos, impedindo as células de desenvolverem câncer.

2. Contém Antioxidantes Poderosos:

Rooibos contém uma grande variedade de antioxidantes, o que ajuda a proteger o organismo de inúmeras maneiras. Estes antioxidantes protegem o corpo e lutam contra os radicais livres. Estas células são células instáveis​​, que atacam as células saudáveis, de modo a estabilizar os mesmos. Os polifenóis também têm propriedades anti-inflamatórias e podem proteger contra doenças cardíacas.

3. Alto Teor Mineral:

Um dos principais benefícios para a saúde de Chá de Rooibos é que ele contém diversos minerais que são vitais para a saúde. Estes incluem magnésio (essencial para o sistema nervoso), cálcio e manganês (essencial para dentes e ossos fortes), zinco (importante para o metabolismo) e ferro (para ajudar o sangue e músculos a distribuir oxigénio).

4. Alivia Problemas de Estômago:

Rooibos contém altos níveis de flavonoides e tem a capacidade de aliviar cólicas abdominais, diarreia e indigestão. Os flavonoides são conhecidos por ajudar a reduzir espasmos, inflamações e alergias. Ele também tem sido utilizado para aliviar cólicas em bebês, pois como é totalmente livre de cafeína, é perfeitamente seguro para o consumo para bebês.

5. Melhora a Circulação:

Um dos muitos potentes antioxidantes no Rooibos é o chamado Chysoeriol. Ele pode melhorar a circulação, evitando doenças cardiovasculares. Beber chá de Rooibos emagrece e ainda pode ajudar a reduzir a pressão arterial e o colesterol.

Como Preparar e Consumir o Chá de Rooibos:

Para o preparo do chá é preciso, antes, adquirir o chá em saquinhos ou ainda as ervas. Por possuir sabor adocicado, não precisa ser adoçado, trazendo ainda mais benefícios. Use a proporção de 10g de erva para cada litro de água. Em um recipiente, leve a água ao fogo. Quando estiver fervendo, coloque a erva e então apague o fogo e abafe a mistura.

Deixe descansar por um período de aproximadamente 10 minutos, permitindo que a água absorva todos os sabores e propriedades da erva medicinal. A bebida pode ser consumida gelada em dias quentes como um refresco, ou ainda quente em dias mais frios, como uma forma de, além de nutrir-se, esquentar-se. O chá pode ser preparado ainda com limão e mel, que o deixarão ainda mais saboroso.

Contraindicações:

Como este chá não tem cafeína, alcaloides ou taninos em quantidades significativas que possam resultar em algum problema derivado de seu uso, até o momento, não se conhecem quaisquer contraindicações para a ingestão do chá de Rooibos.

Efeitos do Chá Rooibos no Fígado:

Alguns estudos realizados na Universidade da Cidade do Cabo testam as qualidades curativas do chá de Rooibos para a recuperação da saúde hepática. Por enquanto, esses estudos foram feitos em cobaias de laboratório, ratinhos, com ótimos resultados.

Que nos permitem inferir que, para nós humanos, os bons efeitos também serão realidade. A ingestão do chá de Rooibos(2 xícaras ao dia) é indicado para tratar o fígado gordo, que precisa de regeneração tecidular e para sua depuração e desintoxicação.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.