Antioxidantes – Fontes, Benefícios e Deficiência

Antioxidantes – Fontes, Benefícios e Deficiência

Revisado por

Educação Física pela UGF

Especialista do Dr. Saúde

Antioxidantes – Fontes, Benefícios e Deficiência que você jaja vai Conhecer. Alem disso, O antioxidante é uma substância capaz de inibir a oxidação de um substrato quando presente a concentrações mais baixas que esse substrato. Exemplos de oxidações são a ferrugem, o escurecimento de alguns alimentos quando expostos ao ar (por exemplo, maçãs, peras, bananas e batatas) ou a formação de ranço nas gorduras. A oxidação ocorre também no organismo vivo resultando em danos dos componentes celulares, eventualmente contribuindo para o surgimento ou a evolução de algumas doenças.

Ao combaterem o stress oxidativo, isto é o excesso de oxidações de componentes celulares, os Antioxidantes podem ter efeitos benéficos para a saúde. Assim, o aumento dos níveis dos Antioxidantes no organismo, nomeadamente através de uma dieta rica nestes componentes, poderá ser benéfico.

Oque é Os Antioxidantes:

Os Antioxidantes são vitais para a saúde e estão disponíveis naturalmente de várias formas, como por exemplo, nas vitaminas A, E, C e selênio, podendo funcionar tanto como enzimas, quanto como nutrientes. Geralmente, frutas e vegetais são os alimentos mais ricos em Antioxidantes.

Para que servem os Antioxidantes:

O consumo adequado de Antioxidantes protege o corpo da ação dos radicais livres, protegendo as células de danos na sua estrutura e prevenindo problemas como:

  • Envelhecimento
  • Doenças cardiovasculares;
  • Aterosclerose;
  • Câncer;
  • Doença de Alzheimer;
  • Doenças pulmonares.

Os principais Antioxidantes presentes nos alimentos são vitamina A, C, E, flavonoides, carotenoides, licopeno, ômega-3 e selênio.

1. Glutationa:

A glutationa é considerada o antioxidante mais importante do corpo por ser encontrado no interior das células, além de estimular a atividade de outros Antioxidantes e nutrientes.

Eles desempenham papéis importantes como auxiliar no trabalho de proteínas, criação de enzimas, desintoxicação, digestão de gorduras consumidas e na destruição de células cancerígenas.

Alguns deles são:

  • couve,
  • brócolis,
  • rabanete,
  • couve de Bruxelas
  • Grão de bico
  • Fígado de boi

2. Vitamina C:

Um dos mais importantes Antioxidantes solúveis em água e um nutriente dietético essencial. Alimentos ricos em vitamina C incluem laranja, limão, acerola, mamão, pimentão, goiaba e brócolis.

3. Vitamina E:

O principal antioxidante lipossolúvel que desempenha um papel essencial na proteção das membranas celulares contra danos oxidativos.

Alimentos ricos em vitamina E incluem amêndoas, couve, abacate e mamão.

4. Flavonoides:

Um grupo de Antioxidantes encontrados em alimentos vegetais. Eles têm muitos efeitos benéficos para a saúde.

Alimentos ricos em flavonóides incluem alho, maçã, chocolate amargo, batata doce, quinoa e muitos outros alimentos.

5. Composto Flavonoide:

A quercetina é geralmente derivada de folhas verdes como couve, espinafre, chicória e alface romana, mas aparece também em alimentos como pimentões, ameixas pretas, mirtilo, cerejas, groselha, maçãs, alcaparras, cebolas roxas.

Ela auxilia em questões como inflamações, doenças cardíacas, problemas nos vasos sanguíneos, alergias, fadiga crônica, e em doenças autoimunes como a artrite.

6. Luteína:

A luteína apresenta diversos benefícios para a saúde como por exemplo, no cuidado da pele, dos olhos, coração, artérias, sistema imunológico.

Estudos indicam que pessoas que consomem alimentos ricos em luteína possuem menos chances de desenvolverem doenças como câncer de mama, cólon, câncer de pulmão e cervical

Entre os alimentos ricos em luteína estão: aspargos, brócolis, ervilhas, alho poró, verduras de folhas verdes escuras e ervas frescas como manjericão.

7. Astaxantina:

Ela é encontrada em alimentos como salmão, truta arco-íris, camarão, caranguejo e lagosta.

Auxilia na saúde como em reduzir manchas da idade, aumento no nível da energia, saúde das articulações.

8. Clorofila:

Ele auxilia na desintoxicação do organismo, prevenção de doenças como o câncer e protegendo o DNA contra os danos causados por toxinas e estresse. Pode ser encontrado na rúcula, alho-poró, pepino, abobrinha, kiwi, melão, ervilhas e aspargos.

9. Selênio:

Ele é um mineral encontrado geralmente no solo, mas que também está presente em alimentos como: frango, carne alimentada com pasto, ovos, sardinha, atum, halibut, castanha do Pará e espinafre.

Ele cuida das glândulas adrenais e tireoideias, e auxilia na proteção na nossa área cognitiva. Ele protege contra doenças cardíacas e sistema imunológico.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

Deixe seu Comentário

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Francysco Silva

Sou Formado em Educação Física, pela UGF – (Universidade Gama Filho) - Na turma 2012-2016. Atuei e atuo em academias e clubes, nas modalidades de Musculação do Iniciante ao Avançado, Ginástica em Grupo, Natação.

Vitamina F – Fontes, Benefícios e Deficiência

fontes de Colageno

Colágeno – Fontes, Benefícios e Deficiência