Benefícios das Plantas

Cipó Cabeludo – Origem, Benefícios e Como Usar!

Cipó Cabeludo – Origem, Benefícios e Como Usar de maneira correta. Além disso, o Cipó Cabeludo possui ricas propriedades que beneficiam a saúde do corpo humano. É uma planta arbustiva de pequeno porte, possui sabor amargo e cheiro aromático. A extremidade dos ramos mais novos se apresenta coberta de pelo que possui suma cor castanha clara. Os princípios ativos da planta incluem taninos e matérias aromáticas e pépticas e ela pode ser utilizada em forma de chá, cápsulas (pó) e tintura (líquido).

cipo cabeludo

O Cipó Cabeludo é popularmente utilizado para tratar as doenças das vias urinárias e litíases vesicais, além das afecções reumáticas. O Cipó Cabeludo possui os caules arredondados densamente, as suas folhas são opostas, pecioladas e possuem de 5 a 10 centímetros de comprimento por 3 a 5 centímetros de largura.

É uma espécie esciófita até eliófita, e indiferente quanto as condições físicas do solo. Geralmente florescem de novembro a abril.

Origem do Cipó Cabeludo:

O Cipó Cabeludo, cientificamente conhecido como Mikania hirsutissina, é uma planta originária da flora brasileira, é encontrada nos estados do Rio de Janeiro, Bahia, Minas Gerais e São Paulo.

É uma planta muito abundante na mata sul e possui uma bela afloração melífera. Muito utilizada na medicina popular, principalmente como anti-inflamatório.

Propriedades do Cipó Cabeludo:

Mesmo o Cipó Cabeludo sendo pouco estudada quanto aos seus componentes químicos, podemos afirmar que isso não diminui o seu uso e popularização. Entre seus principais componentes e princípios ativos temos: taninos catéquicos, óleo essencial, flavonas, ácidos terpênicos, sais de Al, Ca, Fe, K, Na e outros.

Suas propriedades medicinais são: antidiarreica, anti-disentérica, diurética, anti-inflamatória renal, antirreumática, bíquica, antinefrítica, adstringente e balsâmica. Então, confira agora os Benefícios do Cipó Cabeludo Para Saúde:

Benefícios do Cipó Cabeludo Para Saúde:

  • Por ser um excelente diurético, o Cipó Cabeludo pode ser usado em casos de cistite, prostatite, uretrite, gota, infecções do trato urinário, muco excessivo, cálculos biliares, pedras nos rins, e para ajudar a reduzir os níveis de ácido úrico na urina e no sangue.
  • É um remédio natural preferido para a nefrite e prostatite e é considerado útil na remoção de muco excessivo das vias urinárias e dos brônquios. Ele também é utilizado como um analgésico para neuralgia, reumatismo crônico e artrite e dor muscular geral.
  • Os benefícios desta planta para a saúde ocorrem devido à variedade de ação que ela possui no organismo. A planta atua como um antibacteriano, anticoagulante, analgésico e descongestionante, antirreumático, diurético, limpador do sangue.
  • Isso porque ele possui doses concentradas de cumarina, óleos essenciais, flavonóis, flavonas, diterpenos, ácido caurenoico, resinas, saponinas e taninos. Com isso, ele pode ser uma ótima opção de cura natural.

Como Usar o Cipó Cabeludo:

Seu consumo pode ser feito na forma de cápsulas, tintura e infusão. Todos podem ser encontrados em lojas de produtos naturais e algumas farmácias de manipulação. O chá deve ser consumido duas ou três vezes ao dia.

Receita do Chá de Cipó Cabeludo:

INGREDIENTES:

  • 2 colheres de sopa da planta Cipó Cabeludo;
  • 1 litro de água.

MODO DE PREPARO:

  • Adicione duas colheres de sopa da planta em um litro de água e deixe ferver por cerca de 10 minutos. A indicação de consumo deste chá é de 2 a 3 xícaras ao dia.

Tintura de Cipó Cabeludo:

Outra forma comum de consumir o Cipó Cabeludo é através de uma tintura. Esta forma mais concentrada da substância pode ajudar, assim como a infusão feita com ela fresca. Você pode encontrar as tinturas feitas à base de cipó-cabeludo em lojas de produtos naturais e deve usar segundo a recomendação no rótulo, ou cerca de 25 a 100ml ao dia.

Não esqueça de consultar o seu médico antes de usar qualquer tipo de planta como um tratamento.

beneficios do cipo cabeludo

Efeitos Colaterais do Cipó Cabeludo:

Não foram encontradas contraindicações na literatura consultada. No entanto, indicamos que, sempre antes de consumir quaisquer medicamentos, sejam eles naturais ou industrializados, você consulte o seu médico. Plantas e medicamentos podem atuar cortando ou intensificando outros medicamentos, ou prejudicando problemas pré-existentes.

É indicado, ainda, que pacientes que façam uso de anticoagulantes tenham monitoramento clínico constante, uma vez que a planta cipó-cabeludo tem efeito redutor sobre a viscosidade sanguínea. Além disso, pacientes que não desejem o efeito de diurese não devem consumir a planta.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.