Benefícios das Plantas

Vetiver – Origem, Benefícios e Como Usar!

Vetiver – Origem, Benefícios e Como Usar de maneira correta. Além disso, o Vetiver possui muitas propriedades medicinais que favorecem a saúde do corpo humano. O Vetiver é uma planta da Família das gramíneas (Poaceae), herbácea, perene, cespitosa (em moita) que chega a atingir cerca de 2 m de altura e com raízes que podem penetrar até 6 m de profundidade.

beneficios do vetiver

É também o nome dado ao óleo essencial dela extraído. É uma planta próxima de outras ervas aromáticas como o capim-limão (Cymbopogon citratus) e a Palmarosa (Cymbopogon martinii). Propaga-se principalmente de forma vegetativa (assexuada) já que a maior parte das variantes cultivares produzem pequenas quantidades de semente ou, simplesmente, não a produzem.

Desta forma, o capim Vetiver é considerado uma espécie muito segura para se utilizar, não existindo o risco dela se tornar invasora. Pode ter uma longevidade de séculos.

Por estas razões, na Índia o Vetiver vêm sendo utilizado há séculos para delimitar fronteira de terrenos, pois ele permanece exatamente onde foi plantado. É também conhecida como capim-Vetiver, capim-de-cheiro, grama-cheirosa, grama-das-índias, falso-pachuli (ou, simplesmente, pachuli) e raiz-de-cheiro.

Algumas das características do Vetiver fazem desta planta um excelente meio de controlar a erosão, nos climas mais quentes. Ao contrário das outras ervas, o Vetiver não ganha raízes horizontais, crescendo estas, quase exclusivamente na direção vertical, para baixo. Os grupos densos de colmo ajudam também a travar o escoamento de água superficial.

Por estas razões, o Vetiver é usado para criar sebes ao longo de estradas, nos limites dos arrozais. Como a planta não cria estolhos, não é uma planta invasiva e o seu cultivo torna-se controlável. O plantio de cordões do Vetiver tem se mostrado eficiente na conservação do solo e da água em varias regiões do mundo, devido a elevada resistência ao arrancamento pelas enxurradas, característica proporcionada pelo seu extenso e resistente sistema radicular, que estabiliza a planta e agrega o solo.

Em virtude de seu rápido crescimento se forma rapidamente densas touceiras que criam barreiras às enxurradas. Pesquisas mostraram que esta espécie é também capaz de recuperar areas degradadas com o aumento da agregação do solo, e consequente aumento da infiltração da água e redução das enxurradas.

Propriedades do Vetiver:

Estes são os principais componentes do Vetiver: ácido benzóico, furfurol (furfurtal), vetivina, terpenos (isto é, vetivenos), vetivonas, vetiveril, vetivenato, vetispireno, zizanal, zizaneno, zizanol. O aroma do Vetiver: profundamente amadeirado, terral, herbal, temperado, quase esfumaçado, almiscarado, semelhante ao sândalo, lembrando levemente o tabaco.

Propriedades terapêuticas do Vetiver: antisséptico, antiespasmódico, depurativo, nervino, sedativo, tônico e vermífugo. Tem caráter enraizador e fortalecedor por sua óbvia conexão com a terra, tendo a capacidade de ajudar o indivíduo em seu processo de auto-orientação, trazendo profundidade e foco para traçar objetivos e metas. Então, confira agora os Benefícios do Vetiver Para Saúde:

Benefícios do Vetiver Para Saúde:

  • Acalma a mente, traz inspiração, combate a histeria, a estafa, a insônia e a depressão. Ajuda a desfazer bloqueios emocionais enraizados, medos antigos e sensação de não pertencimento.
  • Seu efeito equilibrador no sistema nervoso central transmite uma sensação de centralização e pode ser útil para auxiliar as pessoas a se livrarem do uso sistemático de tranquilizantes.
  • Combate artrite, reumatismo, dor nas juntas, dores musculares, acne, cortes e machucados. Útil como tônico circulatório e estimulante sexual.
  • Muito utilizado em casos de esgotamento físico. Revitaliza as hemácias, que tem papel fundamental no transporte de oxigênio para todas as partes do sistema. O fluxo sanguíneo mais intenso pode aliviar dores musculares.
  • Indicado para peles secas, maduras e irritadas.
  • Acredita-se que purifica a aura – o campo de energia que existe ao redor do corpo – e fortalece o escudo áurico, o que pode ser fundamental para afastar as doenças.
  • É considerado um das plantas que produz os óleos mais femininos. Devido à sua profunda ligação com a terra, absorve nutrientes e excreta os dejetos decorrentes livrando-nos daquilo que não mais precisamos. Tem portanto, uma forte energia de prosperidade, não só no sentido de produzir bens, mas principalmente de mantê-los.
  • Lembre-se de que esta grama fertiliza o solo, cresce rápido e dá suporte ao fluxo de água. A energia do Vetiver é nutridora, úmida, fresca e doce. Seu elemento principal não poderia ser outro se não o elemento terra.

Como Usar o Vetiver:

As folhas são usadas em cestaria e no fabrico de tapetes, bem como para cobrir telhados. As raízes, odoríferas, podem servir para fazer telas, tecidos grosseiros, leques, entre outros artefacto.

E as raízes, depois de secas e cortadas, podem ser destiladas para extração de um óleo essencial espesso e de cor âmbar, constituído principalmente por vetivona, e que é conhecido como Vetiver, Vetivert, Khus khus, Khas khas, ou óleo  da tranquilidade, na Índia. O óleo é usado como fixante em perfumaria.

O odor é profundo, com acentos de terra, madeira e citrinos, sendo muito persistente. É usado em aromaterapia para aliviar o stress e relaxar. Tem também propriedades febrífugas.

Efeitos Colaterais do Vetiver:

Embora o uso do Vetiver seja bastante seguro e apontado como não sensibilizante, não-irritação e óleo não tóxico, você ainda deve manter algumas coisas importantes em mente antes de usá-lo. Para começar, evite usá-lo em crianças ou falar com seu médico sobre isso.

vetiver

Se você estiver grávida, você não deve usar óleo de Vetiver, pois pode causar aborto espontâneo. Também é uma boa idéia fazer um teste de remendo para testar a sensibilidade da pele antes de aplicá-lo em sua pele.

Certifique-se de usar transportadora de petróleo, como óleo de coco para diluir o óleo Vetiver para evitar enfrentar quaisquer efeitos negativos. Evitar o contacto com orelhas internas, olhos e outras áreas sensíveis.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.