Singônio – Origem, Benefícios e Como Usar!

Revisado por

NUTRIÇÃO - CRN6-MA 16199

Singônio – Origem, Benefícios e Como Usar de forma correta. Além disso, semi-herbácea, o Singônio pertence à família Araceae, nativa do Brasil, perene, ascendente, rizomatosa, de ramos finos, de crescimento rápido, de folhagem decorativa. Folhas variam de desenho e cor, plantas jovens apresentam folhas simples, podem apresentar variegação branca e nervação estriada e nas plantas adultas as folhas são subdividas e completamente verdes.

SingonioProdutores comerciais, têm feito grandes melhorias nesta planta nos últimos anos, dando-lhe maior resistência à doenças, folhas com mais variegação branca e um crescimento compacto. Inflorescências típicas ocasionais no verão, com espata verde por fora e rósea por dentro, sem valor ornamental.

Usada na decoração de jardins, como trepadeira escalando muros, árvores e pergolados e como forração fazendo cobertura de solo, onde se espalha produzindo muitas folhas. Singônio são perfeitos para camuflar paredes sem acabamento, tintas descascando e manchas de infiltração.

Uso do Singônio:

É uma planta versátil pode ser cultivada de muitas maneiras. Como cobertura vegetal sob árvores, à meia sombra em extensos canteiros, como planta trepadeira para cercas e colunas, em vasos para interiores.

No caso de vasos necessitará de um tutor, que poderá ser treliça de bambu ou sarrafos finos, de arame, de ferro batido ou simplesmente uma coluna de fibra de coco. Poderemos conduzir seu crescimento ao redor do tutor subindo e descendo, formando densa touceira, muito ornamental. É uma planta simples e fácil de cuidar e vive muitos anos.

Como Gerar Mudas do Singônio e a Forma de Preparar o Solo:

No inverno, a planta entra em estado de dormência, necessitando de água apenas para não deixar o solo secar completamente. No verão, em seu habitat natural, produz pequenos frutos.

Para plantar o Singônio, prepare o solo com duas partes de composto orgânico, uma parte de areia e outra de terra comum, bem misturadas.

singonio origemPara reproduzir, basta retirar muda com pelo menos um par de folhas e cerca de 4 centímetros da ponta do ramo, mantendo as raízes em um recipiente com água. Tão logo as novas raízes surjam, ele já estará pronto para ganhar casa nova.

Singônio é uma Planta Tóxica:

A seiva desta planta contém cristais de oxalato de cálcio e é tóxico para animais de estimação e pessoas e pode causar irritação na pele. É recomendado o uso de luvas ao manusear esta planta ou lavar bem as mãos depois.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

Flor de Laranjeira – Origem, Benefícios e Como Usar!

Olho de Boi – Origem, Benefícios e Como Usar!