Benefícios das Plantas

Nigela – Origem, Benefícios e Como Usar!

Nigela – Origem, Benefícios e Como Usar todas as suas propriedades medicinais. Alem disso,  apreciada por seus benefícios desde dos tempos mais remotos. O óleo extraído desta erva, por exemplo, já foi encontrado na tumba de Tutankamon.

Nigela

Acredita-se também que a rainha Cleópatra utilizou-se desta planta para acentuar seus dotes físicos, adquirindo mais saúde e beleza.

Além destes casos, o cominho preto, como também é conhecida, era considerada pelo pai da medicina científica, Hipócrates, como um remédio importante no tratamento de problemas digestivos e distúrbios hepáticos.

Ao final, a planta acaba sendo muito utilizada pelos povos do Oriente Médio, tendo em vista seus benefícios capazes te curar diversas doenças.

Nigela Para Diabetes:

Desde o ano de 1959 foram feitos mais de 200 diferentes estudos em universidades e laboratórios. No Laboratório de Pesquisa do Câncer de Hilton Head Island, South Carolina, EUA, um dos maiores estudos experimentais realizados até agora, provou que Nigella Sativa teve enorme sucesso na terapia de tumores sem os efeitos colaterais negativos da quimioterapia comum.

Eles descobriram que ela aumentou a taxa de crescimento de células da medula óssea por um 250% e inibiu o crescimento do tumor em 50%.

Estimulou as células imunológicas e levantou a produção de interferon que protegem as células da célula destruindo efeito de vírus.

Eles confirmaram os efeitos fortemente antibacteriana e antimicótica e que tem um efeito na redução do nível de açúcar no sangue, que é essencial para o tratamento de diabetes.

Benefícios da Nigela:

  • Analgésica: Tem a função de diminuir ou eliminar de vez a dor;
  • Carminativa: Poder de atenuar os gases intestinais;
  • Depurativa: Produz uma limpeza no organismo, eliminando as toxinas e os resíduos do corpo;
  • Anti-histamínico: Agente controlador de alergias e enjoo;
  • Antioxidante: Tem a função de inibir a oxidação das células, evitando o envelhecimento precoce e o desenvolvimento de células cancerígenas;
  • Anti-infecciosas: Remédio natural capaz de combater infecções que afetam o organismo humano;
  • Broncodilatadora: Auxilia no tratamento de doenças pulmonares como a asma, bronquite crônica, enfisema pulmonar etc;

As sementes desta planta podem ser utilizadas contra os casos de diabetes, pois elas são capazes de reduzir os níveis de açúcar no sangue.

Além disso, de acordo com estudos elaborados pelo Laboratório de Pesquisa do Câncer de Hilton Head Island, nos Estados Unidos, este medicamento natural é capaz de detonar com o câncer sem trazer prejuízos à saúde.

Isso porque, os resultados mostram um crescimento celular de medula óssea de 250% e a inibição de 50% do crescimento do tumor.

Efeitos Colaterais:

Apesar de ser um produto de origem natural, o excesso das sementes desta planta pode fazer mal ao consumidor.

O risco de morte é elevado quando o consumo ideal é ultrapassado. Não há uma regra com relação as doses diárias, elas vão depender do seu organismo e do que você deseja tratar. Sendo assim, o aconselhável é procurar ajuda de um médico especialista.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.