Benefícios das Plantas

Albízia – Origem, Benefícios e como Usar

Albízia – Origem, Benefícios e como Usar de forma correta. Além disso, a Albízia possui muitas propriedades medicinais importantes para saúde do corpo humano. Como se pode observar, trata-se de uma árvore ornamental, de folha caduca, que resiste bem ao frio apresentando uma floração muito decorativa e uma fragrância delicada. Pertence à família de espécies “fixadoras de azoto”.

beneficios da albizia

Apesar de ser tolerante à sombra, a Albízia prefere (e cresce melhor em) espaços de exposição solar total. Sobrevive a períodos de estiagem, desde que curtos. É resistente a ventos fortes e dominantes mas não tolera a exposição marítima. É uma árvore de rápido crescimento (cerca de 90 cm por ano, ou mais) e com curto período de duração (diferente bibliografia refere um período de cerca de 10 anos de vida útil).

Na idade adulta tornam-se susceptíveis a determinadas doenças, apresentando um natural enfraquecimento generalizado da árvore, pormenores que são largamente recompensados (de alguma forma) com a delicada e prolongada floração e o efeito visual que a mesma provoca.

Geralmente, quando se utiliza uma espécie destas, tem-se em linha de conta estes pormenores todos e estabelece-se um bom plano de replantações (a facilidade de se replantar é uma característica que partilha com as acácias), faseadas no tempo, por forma a minimizar os efeitos menos positivos. A espécie multiplica-se por sementes (impermeáveis).

Origem da Albízia:

A Albízia foi introduzida na Europa apenas no séc. XVIII, a sua nomenclatura deve-se ao botânico italiano Antonio Durazinni que adotou na sua nomenclatura o nome do introdutor da espécie na Europa, o naturalista amador Filippo degli Albizzi, que a trouxe da capital do império Otomano em 1745 e “julibrissin”, o designativo da espécie, deriva do seu nome persa “Abrisham Gul-i”: flores (“Gul”) e “Abrisham” (“de seda “) – “árvore de flores de seda” é uma tradução possível.

A bibliografia consultada refere ainda que esta árvore não é originária da Turquia mas de uma zona que se estende do Irão à China, sendo o seu habitat natural as florestas; ravinas batidas pelo sol e margens de rios, acima de 2000 metros de altitude, nos Himalaias.

A Albízia é entre nós é muito apreciada como planta ornamental, constituindo alinhamentos e ornamentais nos jardins públicos e privativos, especialmente no Sul do País. Com menor expressão podemos vê-la um pouco por todo o lado, como em Chaves.

Apesar de pertencer à mesma família das acácias australianas (Fabaceae), não está referenciada como invasora no nosso País, o que implica, como com qualquer outra espécie exótica, deve ser objecto de vigilância – nos EUA, foi introduzida na mesma altura (1745) nos estados do Sudeste onde se naturalizou e acabou por se tornar numa espécie invasora.

Propriedades da Albízia:

A Albízia é um gênero específico de árvores tropicais em flor que é composto por mais de 150 espécies. As árvores são nativas da África, Ásia, Madagascar, Estados Unidos e Austrália. No entanto, mais importante, as espécies Albízia contêm altas concentrações de saponinas, polifenóis e triterpenoides, todos com impacto importante na saúde humana.

Ela é muito comum para encontrar Albízia como parte de tratamentos ayurvédicos indianos, apesar da ampla divulgação de novas pesquisas sobre Albízia levou a um interesse renovado na planta em outras partes do mundo.

Benefícios da Albízia Para Saúde:

Melhora a Saúde da Pele:

As propriedades antioxidantes da casca e folhas de Albízia também trabalhar fora do corpo, e para aqueles que sofrem de condições de pele como erupções cutâneas, manchas, feridas, acne ou psoríase, suas anti – compostos inflamatórios e antioxidantes podem Acalme rapidamente essas áreas e reduza a aparência de manchas e irritação.

Combate a Ansiedade:

A combinação única de componentes ativos da Albízia, incluindo a quercetina, Isoquercetin, saponinas, polifenóis podem ter um forte impacto sobre os sistemas hormonais e nervosas no corpo humano. Um dos usos mais antigos e mais consistentes de Albízia é como um sedativo suave que rapidamente alivia sentimentos de estresse e ansiedade.

Para aqueles que sofrem de hormônios de estresse crônico em seu corpo, Albízia pode ajudá-los a encontrar alguma paz e sossego em suas próprias mentes e finalmente relaxar.

Combate o Câncer:

Com uma ampla gama de compostos antioxidantes encontrados na Albízia, não é de surpreender que certas propriedades antioxidantes tenham sido associadas a esta planta.

Albízia é capaz de eliminar os radicais livres no corpo, limpando os subprodutos perigosos antes que eles possam causar mutação celular ou morte. Isso ajuda a prevenir doenças crônicas, como doenças cardíacas e até mesmo câncer .

Melhora a Digestão:

A Albízia em forma de pó é muitas vezes prescritos para aqueles que sofrem de problemas gastrointestinais. Tal como a fibra dietética, o pó liga-se a água e material alimentar, o que acelera o processo de digestão e mantém os movimentos intestinais regulares.

Promove a Saúde do Coração:

Proteger o coração é sempre importante, e a Albízia tem uma capacidade única para reduzir os níveis de colesterol devido à sua impressionante mistura de compostos orgânicos e ingredientes ativos benéficos. Ao reduzir o colesterol, o sistema cardiovascular é protegido de coisas como aterosclerose e, por sua vez, derrames e ataques cardíacos.

Como Usar a Albízia:

É óbvio que o principal interesse nesta espécie residirá, em primeiro lugar, na sua floração em inflorescências com flores apicais e fragrantes, de cor rosada ou branca que contrastam bem com as folhas bipinadas.

Todo o conjunto, principalmente na Primavera e no Verão, é um anúncio vivo da sensação de estética e delicadeza. Daí que seja esta a época do ano em que melhor se observa o seu potencial paisagístico.

Evidentemente que a forma, a cor e a disposição dos frutos, bem como a faculdade de fixar o azoto atmosférico serão sempre outros aspectos a ter em conta.

Como Cultivar a Albízia:

A Albízia precisa de sol intenso e direto para se desenvolver. Logo, a Albízia não terá um bom crescimento em regiões com clima frio, pois não é saudável para as suas folhas e dificulta a sua absorção de nutrientes.

Albízia pode ser cultivada em climas quentes e com irrigação intensa, o que as fará alcançar a altura de 10 metros de altura ou um pouco mais. Possuem raízes agressivas e fundas, por isso precisam de um terreno amplo.

albizia

Efeitos Colaterais da Albízia:

Embora esta possa ser uma alternativa muito eficaz para os medicamentos antidepressivos, a depressão crônica pode ser uma batalha vitalícia e perigosa.

Você deve sempre consultar um profissional médico ou psicológico, se você está sofrendo de pensamentos de suicídio ou está experimentando sintomas depressivos crônicos.

Não existe toxicidade conhecida da Albízia se for tomada em quantidades moderadas. Não é recomendado para mulheres grávidas devido aos seus efeitos circulantes no sangue.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.