Tanchagem – Origem, Benefícios e Como Usar!

Revisado por

NUTRIÇÃO - CRN6-MA 16199

Tanchagem – Origem, Benefícios e Como Usar de maneira correta. Além disso, a Tanchagem possui muitas propriedades medicinais que são importantes para saúde do corpo humano. Essa planta que vamos falar agora, é sem dúvida, umas das mais poderosas plantas medicinais que existem e merece sua atenção. Estamos falando da Tanchagem. Nesse artigo vamos falar sobre os benefícios da Tanchagem e você vai entender porque essa planta está chamando a atenção de todos.

beneficios da tanchagem

A Tanchagem, cujo nome científico é Plantago major, é uma planta rasteira pertencente à família das plantagináceas, sendo também conhecida popularmente como acatá, carrajá, Tanchagem-terrestre e erva-de-ovelha.

A Tanchagem é uma das plantas que se pode encontrar em qualquer jardim, beira de estrada, meio de campo ou até nos seus vasos plantados. Suas sementes voam, se espalham pelos passarinhos, e surge essa que é, talvez, uma das ervas mais medicinais de todas as plantas.

Origem da Tanchagem:

A Tanchagem é o nome dado no Brasil a algumas das espécies do gênero Plantago. Especialmente são tanchagens aquelas que apresentam a característica das 7 veias na folha – as mais usadas – mas, é preciso saber que o gênero Plantago tem 158 espécies confirmadas.

São diversas as tanchagens que se conhecem, e usam, tanto como medicinais quanto como comestíveis – em cada região do mundo esta planta surge com características diferenciadas.

Não há comprovação absoluta mas, a experiência me diz que, em cada lado se usam as tanchagens, de diferentes espécies, para curas similares, desde que tenham as tais 7 veias na folha.

No Chile esta planta é conhecida como Siete Venas o Llantén e também diferenciam nas formas maior, média e menor. Ressalto aqui 4 espécies, das mais conhecidas: Plantago maior, P. lanceolata, P. ovata, P. tomentosa e as fotos que possibilitam sua diferenciação de forma simples.

Propriedades da Tanchagem:

O chá de Tanchagem possui muitas propriedades benéficas para a nossa saúde e é um dos chás medicinais mais utilizados no mundo. A Tanchagem agde como uma erva poderosa antimicrobiana, anti-inflamatória e analgésicas – o princípio ativo responsável pela maior parte dessas funções é a aucubina. Esta planta também tem uma alantoína específica que ajuda na regeneração da pele.

A Tanchagem também é conhecida por suas propriedades adstringentes, emolientes e fluidificante de catarros tanto no trato respiratório quanto no sistema digestivo – assim, é uma planta muito útil em estados gripais, diarreias e outras dificuldades resultantes de resfriamento ou viroses. Então, confira os Benefícios da Tanchagem Para Saúde:

Benefícios da Tanchagem Para Saúde:

  • A Tanchagem serve como cicatrizante, combate diarreia, problemas gastrointestinais e dores de dentes; desinflama os gânglios; faz parar o catarro dos brônquios e desinflama boca e garganta.
  • Esta planta é muito especial, pois possui propriedades adstringente, antibacteriana, redutora de irritação, expectorante, analgésica, anti-inflamatória, desintoxicante, cicatrizante, depurativa, descongestionante, digestiva, diurética, sedativa, laxativa e tônica
  • A Plantago ovata também é conhecida como Psyllium. Suas sementes são usadas para chás curativos que tratam colesterol alto e prisão de ventre.
  • Ela também limpa o sangue e os pulmões.
  • As folhas de Tanchagem limpas e escaldadas em água fervente, podem ser aplicadas sobre as feridas, assim vão atuar como cicatrizante natural, servindo também contra lepra, mordida de cão e queimaduras.
  • O seu chá morno também serve para banho de assento em caso de leucorreia.
  • As folhas como emplastro curam feridas, hemorroidas e fístulas.
  • A infusão de folhas serve também para estancar hemorragias nasais e para eliminar a tosse e as mucosidades.
  • As folhas e as espigas quando tomadas em forma de chá são muito poderosas para curar algumas afecções hepáticas e estomacais.
  • Trata-se de uma planta com forte ação anti-inflamatória.
  • Usa-se toda a parte aérea da planta, ou seja, as folhas e o seu pedúnculo.

Receita do Chá de Tanchagem:

Para preparar o chá desta planta e aproveitar os seus benefícios, antes de tudo você precisa lavar muito bem em água corrente, pois como essa é uma planta rasteira, pode acumular terra e areia com facilidade.

Após lavar, basta colocar duas colheres de sopa da erva para um litro de água e deixar ferver. Desligue o fogo quando levantar fervura. Tampe e deixe a solução abafada pelo período de 10 minutos. Em seguida, é só coar e beber.

A indicação de consumo deste chá é de 1 xícara a cada 6 horas para infecções bucofaringeanas e 1 xícara a cada 8 horas para problemas gastrointestinais.

É um excelente cicatrizante. Esse chá também é excelente para aftas, onde neste caso deve-se fazer pequenos bochechos. Existem também relatos de cura de ferida no útero e de HPV.

Nesse caso, tomar o chá de Tanchagem com chá de alfavaca durante 16 semanas e a cada duas semanas fazer uma ducha vaginal com o chá de morno para frio.

Como Fazer a Pomada de Tanchagem:

Vale muito a pena você ter, na geladeira, um pote ou dois de pomada de Tanchagem feita em casa. Este é um excelente medicamento para os primeiros socorros de cortes, contusões, picadas de insetos, alergias cutâneas, erupções de pele, urticárias e muitos outros casos. Se pode usar, e muito bem, na cura das assaduras de fraldas, dos bebês.

Um punhado de folhas de Tanchagem, limpas e secas, picadas. Coloque em um pote de vidro, sobre estas coloque o óleo de coco e leve ao banho-maria até que derreta. Quando estiver derretido o óleo de coco, retire todas as folhas e, se quiser, acrescente a cera de abelhas. Veja todo o procedimento aqui (em inglês).

Colha as folhas de Tanchagem em um dia seco e quente para que as folhas sequem bem depois de lavadas. Isso irá garantir que a pomada dure mais tempo, sem conservantes. Mas, guarde-a na geladeira, sempre.

Você poderá usar óleo de coco como base gordurosa desta pomada, pois este se solidifica à temperatura ambiente (se não fizer demasiado calor). Também poderá acrescentar cera de abelha, para que tenha uma consistência mas cremosa. Para usar no cabelo e couro cabeludo, para tratar caspa, por exemplo, faça a preparação com azeite de oliva ou óleo de rícino.

Como Fazer o Macerado de Tanchagem:

Você pode usar um pilão ou morteiro para macerar as folhas, também pode usar as palmas das mãos para conseguir o mesmo efeito. Mas, se o ferimento a ser tratado é o teu, então o melhor é mesmo você mastigar as folhas que, assim, soltam seus princípios curativos e os misturam com a saliva que é, também, antisséptica e cicatrizante.

tanchagem

Efeitos Colaterais da Tanchagem:

Geralmente a Tanchagem administrada oralmente não tem nenhum efeito colateral, mas algumas pessoas que são alérgicas ao melão provavelmente também sejam à Tanchagem. Por isso é preciso ter um cuidado especial nesses casos.

Mulheres grávidas não devem usar a planta sob nenhuma hipótese, pois podem apresentar um aborto involuntário já que a Tanchagem pode causar algumas alterações no útero.

suco de noz

Os 10 Benefícios do Suco de Noz Para Saúde

Os 20 Benefícios do Jaracatiá Para Saúde!