Erva de Bicho – Origem, Benefícios e Como Usar!

Erva de Bicho – Origem, Benefícios e Como Usar!

Revisado por

Dermatologia graduada pela Unicamp

Especialista do Dr. Saúde

Erva de Bicho Origem, Benefícios e Como Usar que devemos saber. Além disso, com folhagem verde cintilante, pontiaguda e estreita, a erva de bicho é facilmente identificada. Nativa do sul da América do Norte, da América Central e da América do Sul, esta planta é comumente conhecida como pimenta de brejo, acataia, capiçoba e curage, e chega a ter de 50 cm a 1 metro de altura.

Erva de Bicho

É indicada no tratamento de varizes, Diarreias, úlceras e Hemorroidas  externas e internas. Tem propriedades anti-inflamatórias, adstringentes, analgésicas, vermicidas e estimulantes, cicatrizante e diurético.

O que é Erva de Bicho?

A Erva de Bicho é uma planta medicinal muito utilizada para tratar as Hemorroidas devido às suas propriedades hemostáticas, vasoconstritoras, cicatrizantes e anti-inflamatórias.

O seu nome científico é Polygonum persicaria, e também é conhecida como pimenta-d’água, pimenta-do-brejo, persicária, capiçoba, cataia ou curage, podendo ser comprada em lojas de produtos naturais e em algumas farmácias de manipulação.

Benefícios da Erva de Bicho Para Saúde:

  • É anti-inflamatória.
  • Pode ser usada como um analgésico.
  • É usada no combate aos vermes.
  • Tem poder adstringente.
  • É capaz de estancar hemorragias.
  • É diurética.
  • Tem o poder de cicatrizar.
  • Estimula quando há má circulação
  • É vaso constritor.

Além do mais, o seu chá pode ser usado no tratamento de Hemorroidas – não importa se são internas ou externas –, de varizes, de ulceras e ajuda a amenizar as diarreias.

Para que Serve e Propriedades da Erva de Bicho:

A Erva de Bicho é uma planta que serve para ajudar no tratamento das Hemorroidas externas, devido as suas propriedades anti-inflamatória, cicatrizante, hemostática e vasoconstritora.

Como Usar Erva de Bicho:

As partes utilizadas da erva de bicho são as folhas, raízes e sementes, sendo consagrado seu uso contra Hemorroidas, em banhos de assento ou pomada cicatrizante. No entanto o chá de erva de bicho também pode ser usado para lavar a pele em caso de espinhas, lesões e erupções cutâneas.

O chá dos brotos desta planta podem ser usados em feridas superficiais devido a sua ação cicatrizante. Uma pasta feita com as raízes da planta pode ser utilizada no tratamento da Escabiose.

1. Chá Para Banho de Assento:

Erva de Bicho

Ingredientes:

  • 20 g de Erva de Bicho.
  • 1 litro de água fervente.

Modo de Preparo:

  • Adicione a erva numa bacia com água fervente e deixar amornar.
  • Quando estiver morno, coe e permaneça sentado na bacia por cerca de 20 minutos ou até a água esfriar.
  • Fazer este banho de assento cerca de 3 a 4 vezes por dia.

2. Pomada Cicatrizante:

Esta pomada está indicada para tratar diversos problemas de pele, como feridas fechadas, úlceras, varizes e até mesmo hemorroidas.

Ingredientes:

  • 2 colheres de folhas secas de erva de- bicho.
  • 100 ml óleo mineral.
  • 30 ml de parafina líquida.

Modo de Preparo:

  • Coloque as folhas secas numa panela e cubra com óleo mineral.
  • Ligue o fogo baixo e deixe ferver por 10 minutos, mexendo sempre.
  • A seguir, coe e misture este óleo com a mesma quantidade de parafina líquida até formar uma mistura homogênea.
  • Despeje num recipiente de vidro e mantenha devidamente tapado.

Os comprimidos ou cápsulas de erva de bicho podem ser encontradas em lojas de produtos naturais para combater Hemorroidas internas.

Extra:

Erva de Bicho

A infusão dessa erva também pode ser utilizada para tratar os problemas de má circulação, Reumatismo, infecções de pele e urinária, varizes, dor muscular, coceiras, furúnculos, feridas e queda de cabelo.

Como Fazer a Infusão Tópica?

Em um pano limpo, coloque folhas de erva de bicho picadas e coloque em uma peneira que esteja acima de uma panela com água fervendo. As folhas que estão no pano irão absorver o vapor da água e quando estiverem mornas devem ser aplicadas durante dez minutos nas feridas da pele. Faça isso duas vezes por dia até que a ferida desapareça.

Contraindicações:

A erva pode conter propriedades emenagogas e abortivas e por isto deve ser evitado o seu consumo por gestantes ou mulheres em período de amamentação.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

Deixe seu Comentário

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Wanessa Matos

Drª. Wanessa Matos
Dermatologista formou-se em Medicina na Unicamp e na mesma instituição realizou sua residência em Dermatologia, obtendo o título de especialista. Atua nas áreas de dermatologia clínica, cirúrgica e estética. Além disso, é sócio titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, com registro no Conselho Regional de Medicina e Associação Médica Brasileira.

Yacon – Origem, Benefícios e Como Usar!

Pepino do Mato – Origem, Benefícios e como Usar!