Benefícios das Plantas

Caralluma – Origem, Benefícios e Como Usar!

Caralluma – Origem, Benefícios e Como Usar esta erva. Além disso, a Caralluma é um cacto medicinal suculento e comestível, cultivado em várias regiões da Índia e famosa sobretudo por sua suposta capacidade de combater a obesidade e a compulsão alimentar.

Ela possui algumas propriedades adicionais a perda de peso, sendo capaz de bloquear a atividade de várias enzimas, inibir a formação de gorduras e forçar o organismo a queimar suas reservas de energia.

A Caralluma não só é um supressor de apetite, mas também um queimador de gordura (termogênico).

Caralluma

A Caralluma é um cactus suculento que quando ingerida bloqueia a atividade de várias enzimas presentes no corpo que tem a finalidade de formar gordura.

Ao bloquear estas enzimas o corpo para de produzir mais gordura e força o organismo a queimar a gordura armazenada já existente no corpo.

Propriedades da Caralluma:

Em geral, o gênero Caralluma está associado na medicina alternativa como tendo propriedades medicinais para várias condições de saúde, incluindo o tratamento de reumatismo, diabetes, hanseníase, paralisia e inflamação ao mesmo tempo.

Esta erva possui ricas propriedades antimaláricas, anti-úlceras, antioxidantes, antinociceptivas e antiproliferativas.

Benefícios da Caralluma Para Saúde:

Em geral, o gênero Caralluma está associado na medicina alternativa como tendo propriedades medicinais para várias condições de saúde, incluindo o tratamento de reumatismo, diabetes, hanseníase, paralisia e inflamação ao mesmo tempo, possuindo propriedades antimaláricas, anti-úlceras, antioxidantes, antinociceptivas e antiproliferativas.

O extrato de Caralluma fimbriata parece estimular o metabolismo, reduzir o apetite, diminuir os níveis de açúcar no sangue e aumentar a resistência, otimizando a oxigenação do corpo.

Planta Ajuda a Emagrecer:

Segundo o Instituto de Medicina Funcional dos Estados Unidos, uma dieta balanceada em conjunto com a caralluma é capaz de eliminar no organismo até 3 quilos por semana.

Isto se dá porque a planta inibe o apetite, bloqueia a produção de gorduras e, assim, obriga o corpo a queimar as gorduras já existentes, fazendo-o emagrecer.

A caralluma ainda impede que o organismo absorva carboidratos e aumenta a sensação de saciedade, combatendo a compulsão alimentar.

Como Usar a Caralluma:

  • Ela pode ser facilmente encontrada em farmácias de manipulação, ela só pode ser vendida com receita de endocrinologista, nutricionista ou fitoterapeuta;
  • Ingerira diariamente no máximo 300 mg, na forma de cápsulas, uma hora antes do almoço ou jantar;
  • A dosagem é individual e não deve ultrapassar 300 mg por refeição;
  • A caraluma pode irritar estômagos sensíveis, que sofrem de gastrite ou úlcera;
  • Durante o tratamento, tome bastante líquido para diminuir a retenção;
  • Não exagere no consumo de doces e carboidratos: a caraluma ajuda no emagrecimento, mas não faz o milagre de tirar do seu corpo uma caixa inteira de bombons;

Efeitos Colaterais da Caralluma:

A maneira que a Caralluma auxilia na perda de peso é pela supressão do apetite, isso leva o seu cérebro a acreditar que o corpo não está com fome e você vai parar de comer calorias em excesso.

No entanto, este cacto também pode fazer com que você não ingira a quantidade de calorias necessárias por dia para sobreviver.

Caralluma

Além disso, ela suprime a sede, o que leva a um risco de desidratação, que pode ocasionar uma série de outras doenças, como a interrupção do funcionamento correto de órgãos.

A pele também vai perder a umidade que precisa e o cabelo também pode sofrer os efeitos.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.