Lágrima de Nossa Senhora – Origem, Benefícios e Como Usar!

Lágrima de Nossa Senhora – Origem, Benefícios e Como Usar!

Revisado por

NUTRIÇÃO - CRN6-MA 16199

Lágrima de Nossa Senhora – Origem, Benefícios e Como Usar de maneira correta. Além disso, a erva Lágrima de Nossa Senhora possui ricas propriedades medicinais que promovem a saúde do corpo humano. A erva Lágrima de Nossa Senhora pertence à família das Poaceae, é nativa da América do Sul e muito comum em todo o território brasileiro. Além de ser usada no tratamento de doenças, serve para confecção de rosários.

beneficios da lagrima de nossa senhora

Dependendo do local onde é encontrada, a Lágrima de Nossa Senhora pode ser conhecida por vários outros nomes. Os principais deles são: capiá, capim-de-nossa-senhora, capim-de-contas, capim-miçanga, capim-rosário, conta-de-lágrimas, lágrimas-de-jó, lágrimas-de-cristo e lágrimas-de-São-Pedro.

A Lágrima de Nossa Senhora tem porte herbáceo, parecido com o do milho, contudo, menor que este. Apresenta frutos em forma de cariopses, isto é, frutos secos, vulgarmente conhecidos como grãos (brancos, cinzas, amarronzados e cor de chumbo), lustrosos e muito duros, sendo a polpa branca do tamanho da ervilha.

As sementes de Lágrima de Nossa Senhora são empregadas em rituais religiosos e na produção também de guias de santo. Sua história é ligada fortemente à população indígena, à cultura afro-brasileira e ao uso medicinal pelos caboclos.

Origem da Lágrima de Nossa Senhora:

Nativa da América do Sul e bastante comum em todo o território brasileiro, a planta conhecida como Lágrima de Nossa Senhora pertence à família das Poaceae.

Além do nome bastante curioso, a planta acabou ganhando fama pela utilização das suas sementes em rituais religiosos para a confecção de rosários e guias de santo.

Propriedades da Lágrima de Nossa Senhora:

O fruto é anódino (reduz efeitos da dor), anti-inflamatório, antipirético, antisséptico, antiespasmódico, hipoglicemiante, hipotensor, sedativo e vermífugo. Os frutos são utilizados em remédios populares para tumor abdominal, esofágico, gastrointestinal, câncer de pulmão, verrugas e inflamações dos tecidos dos dedos das mãos e pés (falange distal, terminal ou singular).

Um dos componentes ativos da planta Lágrima de Nossa Senhora, o coixenolide, tem atividade antitumoral. A semente, com a casca removida, é antirreumática, diurética, peitoral, refrigerante e tônica. Usam-se o chá das sementes cozidas como parte de tratamento para curar verrugas. Então, confira agora os Benefícios da Lágrima de Nossa Senhora Para Saúde:

Benefícios da Lágrima de Nossa Senhora Para Saúde:

  • Além da utilização ornamental, a partir das folhas, rizoma e sementes, a Lágrima de Nossa Senhora pode ser integrada a tratamentos medicinais, difundidos pelos caboclos. É importante lembrar que, cada uma das partes da planta possui indicações específicas. Por isso é aconselhável que o médico seja consultado.
  • Lágrima de Nossa Senhora é também utilizada no tratamento do abcesso pulmonar, pneumonia lobar (infecção em apenas um único lobo do pulmão), apendicite, artrite reumatóide, beriberi, diarreia, edema, dificuldade de urinar e tratamento de câncer. As raízes foram utilizadas no tratamento de desordens menstruais. Uma decocção da raiz foi utilizada como anti-helmíntica.
  • No geral, a planta Lágrima de Nossa Senhora pode ser usada no tratamento de abcesso pulmonar, acrodinia, afecções catarrais, apendicite, beribéri, disúria, edema, enterite crônica, espasmos musculares e bronquiais. Seu uso também é indicado em casos de excitação nervosa, febres, inchaço, hiperglicemia, litíases urinárias, lombalgia, males dos rins, pneumonia lombar e reumatismo.

Como Usar a Lágrima de Nossa Senhora:

Suas sementes são utilizadas na confecção de artesanatos como terços, pulseiras, braceletes, cortinas, molduras, colares, esteiras e até instrumentos musicais. Podem também ser consumidas como alimento, na forma de farinha no preparo de pães, biscoitos e mingaus ou ainda aproveitando-se a fécula na indústria cervejeira.

A farinha possui alto valor nutritivo (proteína e lipídeos), sendo própria para a alimentação de convalescentes. O chá das folhas da Lágrima de Nossa Senhora é empregado na medicina popular como diurético e no combate a infecções urinárias.

No entanto, é bom salientar que seu potencial na cura de doenças ainda não foi completamente elucidado. A planta Lágrima de Nossa Senhora pode ser cultivada como ornamental, possuindo ainda potencial para uso na biorremediação e como forrageira na alimentação animal

Receita do Chá da Lágrima de Nossa Senhora:

O chá da Lágrima de Nossa Senhora pode ser preparado a partir da utilização das folhas ou sementes da planta . Para isso você vai precisar de 200 ml de água filtrada e uma porção pequena de sementes tostadas ou das folhas da planta seca. Coloque a água para ferver, assim que estiver em ebulição, desligue o fogo.

Acrescente a parte da planta escolhida e deixe descansar por alguns minutos. É importante que você preserve o recipiente fechado para ajudar no processo de infusão da erva. Passado esse tempo, basta usar uma peneira para retirar as partes da planta e o chá está pronto para ser ingerido.

Aspectos Agronômicos da Lágrima de Nossa Senhora:

Não é cultivada em escala no Brasil, sendo restrita a quintais e áreas de ocorrência espontânea. A propagação pode ser feita por sementes, preferencialmente nos meses de Setembro e Outubro. No Sul do Brasil a frutificação ocorre em Outubro, mas em regiões mais quentes pode ocorrer quase o ano todo.

É uma espécie resistente a altitude, por isso é cultivada na Ásia em regiões altas, onde o milho e o arroz não se desenvolvem bem. Naquele continente, apresenta grande variedade de tipos cultivados, com diferentes formatos, cores e tamanhos de grãos.

lagrima de nossa senhora

Contraindicações da Lágrima de Nossa Senhora:

Como foi dito anteriormente, é bom ficar bem atento ao uso da Lágrima de Nossa Senhora nos tratamentos de saúde. As mulheres que estão esperando bebê, assim como aquelas que estão em período de amamentação, devem evitar a planta. As crianças pequenas integram a lista de contraindicações.

Também não é indicado o uso prolongado, já que pode causar efeitos colaterais. Entre os principais identificados estão a depressão respiratória, um problema que, dependendo da intensidade que atingir o paciente, pode levar a morte e a paralisia motora.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

Deixe seu Comentário

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Ana Karolynne Goncalves

Sou graduada no curso de Nutrição pela Universidade Federal de Maranhão (UFMA), do CRN6-MA 16199, com Mestrado na área da Nutrição Clínica com relação ao metabolismo, prática e terapia nutricional, realizado também na Universidade Federal de Maranhão (UFMA). Atualmente trabalho no campo de pesquisa sobre a Qualidade e Inovação em Alimentos, e também atuo como editor no site Dr. Saúde, utilizando todo meu conhecimento para trazer qualidade de vida para nossos leitores.

Os 15 Benefícios do Caroço da Cajá Para Saúde

Cervejinha do Campo – Origem, Benefícios e Como Usar!