Hortênsia – Origem, Benefícios e Como Usar!

Revisado por

Drª. Valeria Carneiro Graduada em Ginecologia e Obstetrícia!

Especialista do Dr. Saúde

Hortênsia – Origem, Benefícios e Como Usar de forma correta e sem prejudicar a saúde.A hortênsia (Hydrangea macrophylla) é uma planta medicinal também conhecida como hidrângea, sete-cascas, dentre outros nomes populares. Inclui os sinônimos botânicos Hydrangea arborescens e Viburnum macrophyllum. A hortênsia normalmente apresenta flores rosadas e azuis, as quais irá depender muito do ph do solo. No caso de solos ácidos, as flores são azuis. Já em solos mais alcalinos, as flores são rosas. Pertence à família Saxifragaceae.

hortensiaA hortênsia, é um gênero de plantas que inclui no total, cerca de 100 espécies de flores, com diferentes cores e tamanhos. Eles são principalmente nativos das partes sul e leste da Ásia, embora também sejam encontrados em grande número no norte e no sul da América.

Eles crescem na forma de um arbusto e atingem uma altura entre 1 e 3 metros, embora alguns, na forma de uma videira, possam atingir um tamanho maior. Eles são cultivados em muitas partes do mundo e podem ter cores diferentes.

Propriedades da Hortênsia:

A utilização principal da raiz da Hortênsia, consiste em tratar problemas do aparelho urinário como cistite, cálculos nos rins, pedra na bexiga, sangue na urina, problemas de próstata ou incontinência urinária. Por ser bastante diurética, pode potenciar o efeito de outros diuréticos.

O componente hidrangeína é tóxico, podendo causar vômitos, dores abdominais, convulsões e até coma. No entanto, utilizada em doses terapêuticas e com acompanhamento profissional, raramente se manifesta os efeitos da hidrangeína. Confira os Benefícios da Hortênsia:

  • Melhora o Fluxo de Urina;
  • Aumenta a Imunidade;
  • Ajuda no Tratamento de Cálculos Renais;
  • Para promover a saúde da próstata;
  • Para promover a saúde do trato urinário;
  • Para combater a infecção;
  • Para o tratamento de cistite, prostatite e uretrite;
  • A raiz da Hortênsia estimula os rins a liberar líquidos e evitar a formação de cascalho;
  • A raiz é acreditado para ser um limpador de sangue benéfico que pode tratar doenças linfáticas;
  • A Hortênsia também é usado para aliviar o inchaço de artrite, gota e edema, e para proporcionar alívio para a artrite reumatoide crônica.

História e Curiosidades:

A espécie Hydrangea macrophylla é uma espécie de fanerógama arbustiva nativa da China do Japão, contudo, atualmente é cultivada como planta ornamental em diversas regiões temperadas e subtropicais.

No Brasil, a hortênsia é uma flor símbolo da cidade de Gramado, no Rio Grande do Sul. É conhecida como um arbusto muito rústico e florífero que produz inflorescências em forma de composta de diversas flores e buquês que podem ter as cores de azul, rosa, vermelho e lilás de acordo com a variação do ph e do substrato.

A hortênsia é um arbusto caducifólio de base lenhosa, porém com consistência sub herbácea nos ramos mais jovens. Além disso, o ritidoma é de cor mais castanha e fibrosa nos seus ramos mais antigos, além de ser mais esverdeado em seus ramos mais jovens.

As folhas são simples, ovais e membranosas, chegando em até 20 cm de comprimento, com os seus bordos serrilhados. No início do verão e nos finais de outubro, produzem amplas inflorescências com diferentes flores em tons de cor de rosa e azul.

Seu Uso Medicinal na História:

A parte que possui as propriedades mais importantes da hortênsia são as raízes. Por muitos anos, suas propriedades benéficas têm sido usadas no tratamento de doenças, principalmente na medicina tradicional chinesa.

A raiz seca, rizomas e folhas da hortênsia são utilizadas na medicina alternativa, sendo muito muito conhecida por aliviar dores nas costas que são geralmente causadas por problemas renais. Auxilia no combate das pedras nos rins e na previne que as mesmas sejam novamente formadas posteriormente, aliviando ainda as dores e irritações urinárias associadas à problemas renais.

Estudos descobriram que as folhas processadas possuem compostos anti-diabéticos capazes de reduzir os níveis de glicose no sangue após 2 semanas de uso.

Outros usos tradicionais incluem benefícios para acalmar membras de muco irritadas e no tratamento de artrite, descolamentos, feridas, fraqueza capilar, gota, infecções urinárias, pedras na bexiga e nos rins, queimaduras, dentre outras condições de saúde.

Externamente, é usada em forma de compressas para queimaduras, feridas e deslocamentos. A Hydrangea macrophylla possui em sua constituição química glicosídeos, resinas, rutinas, saponinas, óleos e flavonoides.Hortênsia benefícios

Contraindicações e Efeitos colaterais da Hortênsia:

A Hortênsia possui o glicosídeo cianogênico hudrangina, que pode ser tóxico quando ingerido em grandes quantidades. Dentre os efeitos adversos, pode causar congestão do tórax, convulsões, dores abdominais, flacidez muscular, irritações gastrointestinais, vertigens e vômitos.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

Os 35 Benefícios da Framboesa Para Saúde!

Imperatória – Origem, Benefícios e Como Usar!