Chá de João Gomes – Benefícios, Usos e Contraindicações

Revisado por

NUTRIÇÃO - CRN6-MA 16199

O Chá de João Gomes é indicado no tratamento de problemas que afetam a pele, como coceiras, eczemas, calos, edemas, ferimentos, pruridos intensos e cortes. Além disso, o Chá de João Gomes pode tonificar as forças do organismo, evitando fraquezas a exemplo de cansaços físicos e mentais ou fadigas. Infecções urinárias também podem ser tratadas com esta planta, assim como os distúrbios intestinais e gastrointestinais

Chá de João Gomes pode ser usado de duas maneiras, são elas: decocção e infusão. No primeiro caso, utilize 20 g de raízes esmagadas, em um litro de água. Junte os itens e leve ao fogão. Quando o chá começar a ferver, desligue o fogo e tampe o recipiente. Deixe agir por 10 minutos, depois é só coar e ingerir.

Benefícios do Chá de João Gomes

Já no caso da infusão, você deve utilizar de 20 a 30 g das raízes no modo normal. Coloque-as dentro de uma chaleira com um litro de água fervente, tampe e aguarde 10 minutos.

Após o tempo determinado, coe e sirva o chá. A dica, em ambos os casos, é ingerir até três xícaras por dia. Então confira agora os Benefícios do Chá de João Gomes Para Saúde:

A erva João Gomes também é conhecida como beldroega ou língua-de-vaca. Ela é da família das Portulacaceae e, além de ser usada no tratamento da fadiga, ela também é recomendada em problemas gástricos, intestinais, urinários e na regeneração da pele.

Por nome científico de talinum paniculatum, a erva João Gomes possui propriedades depurativa, mucilaginosa, antiescorbútica, cicatrizante, diurética, emenagoga, béquica, vulnerária e emoliente.

Na pele, ela é útil em casos de eczemas, edemas, ferimentos, cortes, pruridos intensos, coceiras e calos. Além disso, a planta também tem a capacidade de reduzir a fraqueza, cansaço mental e físico e fadigas. Esta erva também age contra infecções urinárias, intestinais e gástricos.

Outros Benefícios do Chá de João Gomes:

Esse chá possui muitas propriedades medicinais, como:

  • Antiescorbútica;
  • Mucilaginosa;
  • Cicatrizante;
  • Emenagoga;
  • Depurativa;
  • Vulnerária;
  • Emoliente;
  • Diurética;
  • Béquica.

Como Usar:

  • Folhas e sementes: ferida, corte, inflamação tópica.
  • Folhas: extração de calos.
  • Sementes: emenagogas.
  • Infusão das cascas de raízes ou folhas: 20 a 30g/dia
  • Decocção das raízes: 20 g por litro de água. Escorbuto, neurastenia, tosse, gastralgia, tuberculose pulmonar.
  • Cataplasma das folhas frescas: cicatrizante.
  • Salada das folhas: fatie e tempere com azeite, sal e limão, 3 colheres (sopa) antes das refeições principais ou faça refogado.

Chá de João Gomes

Contraindicações:

Plantas e produtos naturais também possuem contraindicações, tendo em vista que nem todos os organismos podem receber os princípios ativos presentes nesta erva.

Por esta razão, é importante ressaltar que grávidas, mulheres em período de amamentação e crianças menores de 12 anos não devem fazer uso do Chá de João Gomes.

Além destas contraindicações, vale um alerta para os pacientes que desejam usufruir das propriedades e benefícios de Chá de João Gomes. Isto é, é importante consultar um médico antes de começar o tratamento com a planta.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

Os 15 Benefícios do Jambo Rosa Para Saúde

Rubim – Origem, Benefícios e Como Usar!