Nutrientes

Glutationa: o que é, para que serve, alimentos e onde encontrar

A Glutationa é uma molécula muito simples que pode ser a molécula mais importante que você precisa para se manter saudável e evitar doenças.

É uma chave para prevenir o envelhecimento, câncer, doenças cardíacas, demência e outras doenças crônicas.

Também é essencial para tratar tudo, desde o autismo até a doença de Alzheimer até o câncer e muito mais.

Glutationa: o que é, para que serve, alimentos e onde encontrar

A molécula é uma combinação de três blocos de construção simples de proteínas ou aminoácidos – cisteína, glicina e glutamina – e é produzido naturalmente no organismo.

É chamado de “antioxidante mestre” porque pode se regenerar no fígado após cada preenchimento de radicais livres e voltar ao trabalho.

Pesquisas mostram que os níveis aumentados de Glutationa diminuem o dano muscular, reduzem o tempo de recuperação, aumentam a força e a resistência e alteram o metabolismo da produção de gordura para o desenvolvimento muscular.

Alimentos ricos em Glutationa

  • Cebola;
  • Salsa;
  • Couve-flor;
  • Aspargo;
  • Toranja;
  • Maçã;
  • Laranja;
  • Tomate;
  • Melão;
  • Banana;
  • Abacate;
  • Alho;
  • Brócolis;
  • Batata;
  • Pimenta.

Além destes alimentos, essa molécula ainda podem ser encontrada em outros tipos de alimentos.

Agora, confira em detalhes os Benefícios da Glutationa Para Saúde:

Benefícios da Glutationa

Melhora a qualidade do esperma:

A molécula é capaz de melhorar a saúde do esperma em homens ao baixar a pressão sanguínea em pessoas diabéticas ou diminuir o estresse oxidativo nas células do esperma, fazendo com que eles fiquem mais saudáveis e sem danos na carga de DNA.

Combate Doenças Respiratórias:

A Glutationa é utilizada para tratar asma e obstrução da passagem de ar quando inalada.

Além disso, um estudo da Universidade de Utrecht descobriu que ela previne reações asmáticas e hipersensibilidade das vias aéreas.

Trata Doenças Psiquiátricas:

Doenças psiquiátricas como transtorno bipolar, esquizofrenia e depressão são ligadas a níveis baixos de Glutationa.

Uma possível razão é que sem suas habilidades antioxidantes no cérebro, o estresse oxidativo pode ocorrer.

Glutationa em Excesso:

Como a maioria das coisas, é o consumo em excesso que pode prejudicar a saúde.

Estudos dizem que o consumo elevado da substância pode prejudicar a recuperação de pacientes com câncer no pulmão.

Além disso, o consumo desta molécula pode

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

1 comentário

  • […] Ao mesmo tempo em que o sol é indispensável para a fotossíntese, ele também leva à formação de radicais livres. Para se proteger destes agentes que poderiam causar até mesmo a morte da alga, a chlorella sintetiza a sua própria glutationa. […]

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.