Bálsamo – Origem, Benefícios e Como Usar!

Revisado por

Bioquímica Farmacêutica pela USP

Especialista do Dr. Saúde

Portanto, Bálsamo Origem, Benefícios e Como Usar aprenda agora, sobre todos os benefícios dessa fruta para saúde. Além disso, o Bálsamo é uma planta largamente conhecida e há muito tempo. Os Benefícios do Bálsamo são fantásticos benefícios que trazem excelentes resultados ao corpo, interna e externamente.

Em termos práticos, ao menos na língua portuguesa, é uma palavra que designará de forma genérica as plantas que possuem composição carnuda. Sendo assim, a planta é citada de diversas formas ao longo da história da humanidade enquanto estudando seus benefícios.

balsamo

O que é o Bálsamo?

O Bálsamo é uma árvore de casca grossa e apresenta flores em cachos, de coloração branca e, possui propriedades emolientes, cicatrizantes e digestivas.

A planta pode atingir 0,50 metros de altura e as partes mais utilizadas são as folhas para preparação caseira, o suco e o sumo, o óleo extraído do tronco são partes utilizadas nas receitas farmacêuticas nas farmácias de manipulação.

Diversos são os benefícios do Bálsamo. Entre os resultados mais comuns observados após o consumo regular desta planta, podemos citar o tratamento de machucados, feridas derivadas da gangrena, úlcera, diabetes, epilepsia, queimaduras, bronquite, frieiras e etc. As formas de ingestão ou aplicação serão vistas adiante com mais detalhes.

A forma correta de utilizar o Bálsamo depende basicamente do resultado que se busca. Como a planta tem benefícios externos e internos, poderá ser utilizado praticamente destas duas formas. Assim, veremos então como é feita a aplicação externa e também a sua ingestão.

Bálsamo Origem:

Originário da África do Sul e da Ásia, também é popularmente conhecido como pau de balso, cabraíba, óleo vermelho, cabureíba, pau vermelho e é amplamente indicado por suas propriedades ornamentais e medicinais, principalmente por possuir ação cicatrizante e digestiva.

A cultura de utilizar plantas para prevenir e tratar doenças é muito antiga, tendo seus primeiros relatos no início da civilização. Com o passar dos séculos, o homem evoluiu e começou a criar medicamentos e tratamentos próprios.

Como uma forma mais eficaz de cura e chance de inflar o mercado farmacêutico financeiramente. Fato é que uma medicina não anula a outra, não se deve apostar apenas na medicação natural sem a orientação de um médico de confiança.

E não se deve confiar apenas na medicação farmacêutica e abrir mão de bons remédios naturais. Um pode perfeitamente complementar o outro. No caso da planta Bálsamo, por exemplo, seu chá propicia ao organismo diversos benefícios que podem trabalhar em conjunto com diversas medicações.

Benefícios do Bálsamo Para Saúde:

1. Controla a Glicose no Sangue:

O flavonoide canferitrina, que é um tipo de antioxidante encontrado no Bálsamo, se mostra muito eficiente para controlar a glicose da corrente sanguínea. Isto ocorre por que esta enzima faz com que a glicose seja mais bem absorvida pelas células hepáticas (fígado).

2. Combate Gripes e Resfriados:

O Bálsamo tem propriedades expectorantes e antibacterianas, o que faz do seu chá um ótimo remédio caseiro se você tem um resfriado ou gripe, principalmente se sentir algum tipo de congestionamento. A planta também ajuda a reduzir a quantidade de muco que é produzido pelo corpo.

3. Possui Ação Anti-Inflamatória:

O Bálsamo possui uma substância chamada Kaempferol em sua composição, que possui propriedades anti-inflamatórias. Com isso, o Bálsamo pode ser eficaz para controlar as inflamações que ocorrem no estômago, como a gastrite e as úlceras, por exemplo.

4. Benefícios do Bálsamo Para Diminuir a Febre:

Outra ação conhecida de modo científico do salgueiro é sua capacidade antipirética, ou seja, a planta é capaz de diminuir a temperatura corporal, auxiliando a reduzir febres das mais variadas origens.

5. Promove uma Pele Saudável:

O óleo extraído do caule do Bálsamo tem ação hidratante. Com isso, o mesmo ajuda na nutrição e reparos que a pele necessita. Dessa forma, ocorre a renovação celular, com a eliminação de manchas do rosto e de linhas de expressão, que passam a ser suavizadas com o uso da planta.

6. Trata Distúrbios Gastrointestinais:

Beber o chá de Bálsamo e sua infusão pode ajudar a melhorar a sua saúde digestiva. Tem sido usado por bastante tempo para curar o sofrimento gastrointestinal, incluindo vários problemas de estômago e indigestão. A erva também é útil para aliviar os sintomas de inchaço.

7. Trata Problemas Respiratórios:

A planta medicinal é bastante utilizada para o tratamento de problemas respiratórios. Isso inclui a asma, a bronquite, a tosse seca, a amigdalite e a rouquidão. Portanto, as folhas do Bálsamo possuem um extrato que contém ação antioxidante e anti-inflamatória que ajudam a diminuir o muco e a aliviar a inflamação da garganta.

Como Usar o Bálsamo:

O Bálsamo origem pode ser utilizado externamente, através de pomadas e compressas e internamente, na ingestão de chás e sucos. No uso tópico, pode ser misturado à argila, caso seja necessário. Na forma de sumo, pode ser aplicado diretamente sobre a pele inflamada.

No uso interno, pode ser tomado com água morna, como chá, maceração ou cozimento de alguma erva. A planta pode ainda ser usada in natura, sob a forma de saladas, sem temperos, para tratar as inflamações gástricas.

Pomada de Bálsamo:

Para aproveitar os benefícios externos do Bálsamo origem, será necessário o preparo de uma pomada e/ou creme. O mais aconselhado é criar um composto que contenha apenas a planta, mas há que adicione outros elementos, tal como o alho que é um antibiótico natural.

Para preparar a pomada ou creme de Bálsamo, pegamos algumas folhas (cerca de 3-4) e as colocamos em um pequeno recipiente, sendo o mais ideal um pilão bem limpo. Em seguida, utilizamos o macerador ou apetrecho do pilão para pressionar as folhas com força razoável. Faz-se isso até que as folhas comecem a tomar aspecto pastoso e não vejamos mais folhas inteiras.

Com a pomada de Bálsamo pronta, poderemos tirar proveito de seus benefícios externos. Basta aplicarmos certa quantidade da pomada sobre a área desejada. Portanto, esta pomada, retomando, poderá ser utilizada para aliviar queimaduras, feridas (oriundas da gangrena), pequenos machucados e até mesmo frieiras.

Receita de chá de bálsamo:

Confira a seguir como preparar uma receita de chá com a folha da planta:

INGREDIENTES:

  • 500 ml de água filtrada;
  • 5 folhas de Bálsamo bem lavadas.

MODO DE PREPARO:

  • Colocar os 500 ml de água e as cinco folhas de Bálsamo dentro de uma chaleira;
  • Levar ao fogo, tampar e deixar ferver durante 10 minutos;
  • Depois, desligar o fogo, porém manter o recipiente tampado e deixar abafar durante mais 10 minutos;
  • Coar o chá e adoçar a gosto, com mel ou açúcar, por exemplo;
  • A recomendação é consumir o chá antes das principais refeições, de duas a três vezes diariamente.

balsamo origem

Cuidados com o Bálsamo:

Não existe uma recomendação oficial da nutrologia em relação à quantidade máxima de Bálsamo que uma pessoa deve consumir diariamente. Entretanto, navarro aconselha não ultrapassar a utilização de no máximo 10 folhas diariamente como forma de evitar efeitos colaterais como o desconforto intestinal e a diarreia.

Além disso, antes de utilizar a planta para auxiliar o tratamento de qualquer tipo de condição, é fundamental consultar o seu médico de confiança antes. Portanto, obviamente, o tratamento completo recomendado por ele não deve ser deixado de lado e ser substituído pelo uso dos Benefícios do Bálsamo a planta deve servir somente de complemento para ele.

Outra orientação importante refere-se a pessoas que utilizam qualquer tipo de medicamento. Portanto, a recomendação é que também conversem com seu médico antes de começar a fazer uso do Bálsamo para se certificar de que não existem riscos de interação entre a planta e o remédio em questão.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

Deixe seu Comentário

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Byanca Stefany

Sou graduada em Ciências Farmacêuticas pela Universidade Federal do Piaui (UFPI), com pós graduação em Fármaco e Medicamentos pela Universidade de São Paulo (USP) mestrado também pela Universidade de São Paulo (USP) na área de Tecnologia Bioquímica Farmacêutica e Doutoranda pela Universidade de São Paulo (USP) na área de Farmácia Fisiopatologista e Toxicologia. Atualmente Trabalho na área de Análise Clinicas, e tambèm atuo no Instituto de Pesquisa de Ciência, tecnologia e Qualidade (ICTQ) e exerço a função de Editor no site "Dr. Saúde".

Os 10 Benefícios do Agave -Azul Para Saúde

Chá de Ora Pro Nóbis – Origem, Benefícios e como Usar!