Lobélia – Origem, Benefícios e Como Usar!

Revisado por

Nutrição e Educação Física pela UFT

Especialista do Dr. Saúde

Lobélia – Origem, Benefícios e Como Usar para sua saúde. Além disso, a Lobélia é uma planta medicinal bastante popular como tabaco-indiano, erva-de-asma e erva-emética. Inclui as espécies medicinais L. cardinalis, L. siphilitica e L. chinenses e Pertence a família da Campanulaceae.

A  planta que, além de ser utilizada como decoração, também é utilizada para fins medicinais. Destaca-se por melhorar as condições respiratórias, bem como por suas propriedades analgésicas.

lobeliaA Lobélia é uma erva benéfica no tratamento de dor e inchaços. Atua também em situações e desconfortos como garganta obstruída.

Um ingrediente ativo da planta, a lobelina, mostrou ser similar à nicotina, ao nível dos seus efeitos sobre o organismo. Por esta razão, lobelina já foi utilizada como um substituto da nicotina em muitos produtos anti-tabaco e preparações destinadas a quebrar o hábito de fumar.

Benefícios das Lóbelia:

A lobelina, ingrediente ativo na planta, estimula o sistema respiratório e auxilia na respiração profunda, condição que pode aliviar problemas respiratórios, incluindo condições de asma.

Na homeopatia, a Lobélia também é utilizada na sozinha ou com outros produtos para cessação do tabagismo, relaxamento muscular, vômitos, náuseas e várias doenças respiratórias.

Como a planta trata esse padrão de maneira muito eficaz, ela pode ser usada para doenças associadas, de qualquer etiologia, incluindo o impedimento do exterior pelo vento-frio.

Outros Benefícios da Lobélia Para Saúde:

No sistema respiratório, ajuda a relaxar músculos bronquiais enquanto também dilata os bronquíolos;
Muito útil no tratamento da coqueluche em crianças.
É uma planta muito importante para todos os tipos de espasmo, convulsões, ataques repentinos e tremores.

Principais Combinações da Planta:

Ela Combina com a raiz da erva daninha de borboleta e gengibre para efusão de calor decorrente da invasão externa do vento-calor ou vento-frio.

Combina com solidéu e a flor-de-maracujá em quadros de dependência do fumo. Também convém adicionar uma fórmula constitucional sob a forma de um medicamento vendido sem receita médica para qualquer paciente que esteja tentando se afastar do fumo.

Como Usar a Lóbelia:

A Lobélia pode ser utilizada de diversas formas, mas a forma mais correta e eficaz é mesmo o uso como chá, usando uma pequena quantidade. É uma forma muito saudável de largar esse vício que destrói tantas vidas.

Contraindicações da Lobélia

A Lobélia é uma erva potencialmente tóxica e só deve ser usada sob prescrição médica em doses homeopáticas. Pode causar efeitos colaterais graves, incluindo náuseas, diarreia, tremores, taquicardia, confusão mental, hipotermia, coma e até a morte.

Os 15 Benefícios do Chá de Orégano Para Saúde!

Pimenta Macaco – Origem, Benefícios e Como Usar!