Glúten – Fontes, Benefícios e Malefícios

Revisado por

NUTRIÇÃO - CRN6-MA 16199

Glúten – Fontes, Benefícios e Malefícios que você talvez você desconheça. Além disso, o Glúten é uma proteína encontrada nos cereais como trigo, centeio e cevada. A ingestão de alimentos com esses cereais faz mal para quem tem intolerância ao Glúten, como os doentes celíacos, pois eles não conseguem digerir bem essa proteína e, por isso, quando consomem alimentos com Glúten ficam com sintomas como diarreia, dor e inchaço abdominal. Então, confira sobre o Glúten – Fontes, Benefícios e Malefícios:

O que é Glúten?

O Glúten é uma proteína formada pela união de duas outras proteínas, a gliadina e a glutenina. As proteínas são polímeros (macromoléculas) naturais formados pela condensação de aminoácidos, que, por sua vez, como o próprio nome indica, são substâncias orgânicas constituídas por um grupo amino (RNH2) e um grupo carboxílico (R1CO2H) unidos por ligações peptídicas.

Fontes de Glúten:

O Glúten, muitas vezes, é mencionado como “Glúten de trigo” porque o trigo é realmente a sua principal fonte na alimentação. Mas ele também está presente na cevada, centeio, malte e aveia, bem como em seus derivados, como pães, tortas, bolos, macarrão, cerveja, pizzas, biscoitos etc. Está presente também em achocolatados, queijos, embutidos e chocolates.

Benefícios do Glúten:

O principal benefício de retirar o Glúten da alimentação é a exclusão de alimentos industrializados e calóricos da dieta, como bolachas recheadas, pizzas e bolos.

Mesmo as pessoas que não têm intolerância ao Glúten passam a sentir-se melhor porque começam a fazer uma alimentação mais saudável, o que melhora o funcionamento do intestino e do organismo. Além disso, a retirada do Glúten pode contribuir para a diminuição dos gases e do inchaço na barriga de algumas pessoas mais sensíveis a essa proteína.

Malefícios do Glúten:

O Glúten deve ser totalmente evitado por pessoas que possuem a doença celíaca, pois elas têm hipersensibilidade a esse composto, que pode ser resultado de uma alergia ou intolerância ao Glúten. Quando o Glúten chega ao intestino do celíaco, ele é considerado como um invasor e há grande produção de linfócitos intraepiteliais, que funcionam como anticorpos contra o Glúten. No entanto, eles acabam atuando sobre as vilosidades (espécies de braços) do intestino, inflamando-os e atrofiando-os.

O resultado é que a pessoa passa a ter diarreia crônica e os nutrientes não são captados, provocando desidratação e graves deficiências nutricionais, em virtude da não digestão dos carboidratos, vitaminas, ferro e cálcio, que são descartados com as fezes. Outros sintomas variados que alguns podem apresentar são dor abdominal, vômitos, prisão de ventre crônica, anemia, constipação crônica, irritabilidade, fadiga, enxaqueca, dermatite e outras.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

Metionina – Fontes, Benefícios e Deficiência

lipase

Lipase – O que é, Benefícios e Excesso