Dionéia – Origem, Benefícios e Como Usar!

Revisado por

NUTRIÇÃO - CRN6-MA 16199

Dionéia – Origem, Benefícios e Como Usar de maneira correta. Além disso, a Dionéia possui ricas propriedades medicinais que beneficiam a Saúde do corpo humano. A Dionéia (Dionaea muscipula) é uma planta carnívora medicinal também conhecida como vênus-caça-moscas, vênus-papa-moscas e venus flytrap (inglês). Pertence à família das Droseras (Droseraceae).

beneficios da dioneia

A planta Dionéia tem a forma de uma pequena roseta com cerca de quatro a sete folhas, que brotam de um curto caule subterrâneo (plantas que parecem ter mais folhas geralmente são colônias, formadas por rosetas que se dividiram sob o solo).

Cada folha da Dionéia chega a cerca de três a sete centímetros, dependendo da época do ano: folhas mais longas são geralmente formadas após a floração. A folha é dividida em duas regiões: uma plana que se ocupa da fotossíntese, e um par de lóbulos unidos pela base, como a concha de uma ostra, preso na outra seção por uma das pontas do fulcro.

A superfície interna desses lóbulos da Dionéia (que formam a armadilha em si) contêm um pigmento vermelho, a antocianina, e as suas bordas secretam néctar: estas iscas atraem os insetos, presas da planta. Os lóbulos se movimentam com surpreendente rapidez, fechando-se instantaneamente quando estimulados pela presa.

O mecanismo de captura é disparado quando a presa toca em um dos três pelos (tricomas) situados na parte interna de cada lado da armadilha. A ativação ocorre quando o pelo é tocado em rápida sucessão (o que evita ativação acidental por pingos de chuva), quando então os lóbulos se fecham em cerca de 100 ms. As bordas da armadilha possuem estruturas semelhantes a cílios bem grossos, que se unem quando a armadilha se fecha – evitando que presas maiores escapem.

Estas estruturas, assim como os pelos de disparos, provavelmente são homólogas aos tentáculos encontradas nos parentes mais próximos das Dionéias, as Droseras. Os vãos entre os pelos permitem que pequenas presas escapem, presumivelmente por que o benefício de digeri-las seria menor do que o esforço em si para fazê-lo. Se a presa escapar, a armadilha se abrirá em poucas horas.

Origem da Dionéia:

A Dionéia é uma planta herbácea carnívora nativa dos pântanos do sudeste dos Estados Unidos, nos estados da Carolina do Norte e do Sul. Ela é uma das pouquíssimas espécies de plantas capazes de realizar movimentos, juntamente com a drósera e a dormideira. É uma planta bem pequena, com no máximo 10 cm de altura e cerca de 4 a 8 folhas dispostas em roseta.

As folhas da Dionéia são muito particulares, compostas de pecíolo e uma armadilha, divida em dois lóbulos, como uma mandíbula com 15 a 20 longos “dentes” nas bordas. O pecíolo é achatado, verde e além de sustentar a mandíbula tem função fotossíntética.

A superfície interna da Dionéia, apresenta coloração vermelha e secreta néctar para atrair os insetos, nela também há importantes pelos sensitivos. Estes pelos tem a função de detectar a presença do inseto para que em uma fração de segundos a armadilha se feche e o inseto prisioneiro possa ser digerido lentamente.

Pelo menos dois pelos sensitivos devem ser acionados sucessivamente em um curto espaço de tempo para que a armadilha funcione. Este mecanismo evita que uma simples gota de chuva faça a armadilha se fechar em vão.

Benefícios da Dionéia Para Saúde:

  • A Dionéia vem sendo estudada por supostamente possuir a propriedade de reduzir a taxa de crescimento de tecidos pertencentes a tumores, além de fazer com que os tecidos tumorais pré-existentes encolham.
  • Na Alemanha, a Dionéia é administrada através de injeção. É usada em um nebulizador para tratar câncer bronquial e pulmonar.
  • O FDA (Food and Drug Administration, agência federal do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA) proíbe a importação da Dionéia para comercialização e distribuição, exceto para uso pessoal.
  • De acordo com a American Cancer Society, a Dionéia é promovida na medicina alternativa como um tratamento para uma variedade de doenças humanas, incluindo HIV, doenças e câncer de pele de Crohn, mas a evidência científica disponível não suporta as alegações para o tratamento de tais condições de Saúde pelo extrato da vénus-caça-moscas.

Onde a Dionéia é Encontrada?

A Dionéia é encontrada em pântanos pobres em nitrogênio no sudeste dos Estados Unidos, principalmente no raio de 160 quilômetros de Wilmington, Carolina do Norte. A coleta de plantas in natura é fortemente restringida por leis estaduais e federais, devido a pequena extensão do seu habitat.

dioneia

O solo pobre em nutrientes é a razão pela qual a planta evoluiu para ter armadilhas tão elaboradas: os insetos fornecem o nitrogênio usado para formar proteínas, papel que o solo onde a planta  cresce não cumpre como deveria.

Contraindicações da Dionéia:

A Dionéia não possui uma história longa de uso na medicina alternativa e tradicional. O suco fresco da planta pode causar empolações na pele.

Chá de Marshmallow – Origem, Benefícios e Como Usar!

Os 10 Benefícios do Tomate de Árvore Para Saúde