Jambú – Origem, Benefícios e como Usar

Revisado por

Nutrição e Educação Física pela UFT

Especialista do Dr. Saúde

Jambú – Origem, Benefícios e como Usar para sua saúde. Além disso, o Jambú é uma planta conhecida pelos nomes de agrião-da-amazônia, agrião-do-pará agrião-do-norte, agrião-bravo, abecedária, agrião-do-brasil, erva-maluca, botão-de-ouro, jaburama, jabuaçú mastruço, nhambu e jamaburana.

O Jambú pertence na região amazônica, ainda que possa ser cultivado em outras regiões do mundo, estando presente ainda no sudoeste asiático.

jambuOs ramos, as folhas e as flores da planta podem ser utilizadas crus em saladas e aparecer em preparações cozidas.

Propriedades do Jambú:

Entre os princípios ativos estão saponinas, afinina, espilantina, filosterina, espilantol, triterpenóides e colina. A planta também contém propriedades anestésica local, antisséptica, antifúngica, diurética, antiviral e estimulante do sistema imunológico. Confira abaixo, alguns dos Benefícios do Jambú Para Saúde:

1. Efeito Analgésico:

A planta já foi usado na medicina graças às suas propriedades analgésicas, ou seja, ele ajuda a aliviar as dores que podem ocorrer no dia a dia.

2. Ação Antioxidante:

O Jambú mostrou possuir um composto denominado escopoletina em sua composição, que é dotado de ação antioxidante e vasorrelaxante.

3. Efeito Diurético:

Quando dizemos que uma substância é diurética, isso quer dizer que ela pode promover a eliminação de líquido do corpo através do aumento de volume da urina.

Entretanto, é necessário tomar cuidado para não abusar da utilização da planta, eliminar água demais, pode trazer uma desidratação.

Como Usar o Jambú:

A planta é muito utilizada como complemento de alimentos da culinária amazonense, rondoniense, paraense e acriana. Pode ser preparado de forma semelhante a couve refogada, preparando com cortes finos e refogando com azeite, sal e alho.

Suas folhas podem ser utilizadas tanto secas como frescas em saladas e cozidas, ou ainda na forma de chá.

Como Preparar o Chá:

Use a proporção de 10 g das folhas de Jambú para cada 500 ml de água;
Em um bacia, coloque a água e coloque para ferver;
Coloque as folhas em outro recipiente e reserve;
Quando a água levantar fervura, jogue por cima das folhas e tampe em seguida, durante aproximadamente 10 minutos;
Depois, coe a mistura e consuma;
A dose indicada é de três xícaras ao dia.

Contraindicações do Jambú:

O consumo em excesso da planta, pode provocar aborto devido à sua ação sobre o útero que gera contrações.

Tomate Cereja – Origem, Benefícios e Como Usar!

Jasmim – Origem, Benefícios e Como Usar!