Benefícios das Plantas

Esponjeira é bom para quê? para que serve, benefícios e malefícios

Por Alan Costa, em

A Esponjeira é uma planta que se destaca devido as suas propriedades medicinais. Suas características físicas são bastante marcantes, o que faz dela uma espécie fácil de ser identificada na natureza. Na medicina natural, as partes da Esponjeira utilizadas são: as flores, sementes e a raiz. Dependendo do local onde ela é encontrada, a planta pode ser conhecida por outros nomes. Entre os principais, destaque para: acácia minuta, mimosa farnesiana, acácia acicularis e densiflora. Veja tudo sobre esta planta:

Origem da Esponjeira:

Pertencente a família Febaceae, a mesma a qual pertence as vagens, ervilhas e a família dos feijões; a Esponjeira, também conhecida em algumas localidades como acácia amarela, é uma árvore de pequeno porte com alguns espinhos e que tem como principal característica as suas abundantes flores de cor amarela.

Presente no cerrado, principalmente nos estados de Tocantins e Goiás, a planta é muito utilizada de maneira ornamental, principalmente para fazer cercas-vivas já que é muito resistente ao fogo, além de que suas flores são muito perfumadas e embelezam a árvore.

Indo muito além de sua beleza, a Esponjeira também pode ser utilizada na medicina, visto que suas flores, sementes e raízes possuem diversas propriedades e trazem inúmeros benefícios para quem a consumir.

Propriedades e Benefícios da Esponjeira:

As principais propriedades encontradas nas raízes, flores, folhas e sementes da acácia amarela são:

  • Adstringente;
  • Analgésica;
  • Antirreumática;
  • Antibacteriana;
  • Digestiva;
  • Demulcente;
  • Estimulante;
  • Emoliente;
  • Estomáquica;
  • Hipertensiva.

Graças a essas características contidas em determinadas partes da árvore, o consumo de derivados da mesma é recomendado para tratar diarreia, dor de garganta, conjuntivite, hipotensão (pressão baixa), febre tifoide e reumatismo.

Além disso, seus derivados podem ser utilizados para coisas muito simples como aliviar a dispepsia, câimbra, machucados na pele e estancamento de sangue. Também possui o poder de aliviar tumores e ajudar no tratamento do câncer de estômago.

Maneiras de Utilizar a Esponjeira:

Apesar da maneira mais popular ser o consumo através do chá, também podem ser aplicadas as folhas secas da planta sobre um machucado; a raiz pode ser mastigada para ajudar a aliviar dores de garganta e pode até mesmo ser tomado um banho quente usando suas flores aromáticas na água. Confira a seguir a receita e como deve ser preparado e consumido o chá de Esponjeira:

Chá de Esponjeira:

Ingredientes:

  • 1 xícara (de chá) de água (240 ml);
  • 10 g de raiz de Esponjeira;
  • Açúcar, adoçante ou mel (Opcional).

Modo de Preparo:

  • Coloque a água em uma panela ou bule e leve ao fogo até que a mesma comece a ferver.
  • Desligue o fogo e adicione as raízes na água.
  • Deixe descansar por aproximadamente dez minutos e após isso é só coar e consumir.
  • Também pode ser adicionado açúcar, adoçante ou mel.
  • Recomenda-se a ingestão de três xícaras do chá por dia.

Malefícios da Esponjeira:

Tanto o chá, como os demais provenientes da planta são contraindicados para pessoas que sofrem de hipertensão ou alguma outra doença relacionada ao aumento da pressão sanguínea.

Sair da versão mobile