Benefícios das Plantas

Mamica de Cadela – Origem, Benefícios e Como Usar!

Por Alan Costa, em

Mamica de Cadela – Origem, Benefícios e Como Usar de forma correta. Além disso, a Mamica de Cadela possui ricas propriedades medicinais que promovem a saúde do corpo humano. A planta Mamica de Cadela é uma arvoreta baixa, retorcida como as plantas do cerrado costumam ser, de folhas verdes, lustrosas e que dá um fruto cheio de maminhas, semelhante a uma cachorrinha, que é de onde vem o seu nome popular.

Somente há alguns anos a comunidade científica conseguiu dar atenção a ele e certificar vários dos seus benefícios. Semelhante às mamas de uma cadela, a planta de origem brasileira, encontrada no cerrado, é uma grande aliada na cura e prevenção de doenças variadas.

Constituída de bergapteno, furanocumarinas, psoraleno, a Mamica de Cadela, também conhecida como pão-de-arara, boloteiro, faveira, amoreira do mato, inhare, ipê-do-sertão e outros nomes, é eficaz no tratamento da Doença de Chagas, Vitiligo e Barriga d’água. A Mamica de Cadela pode ser encontrada na forma de arbusto ou arvoreta. Essa planta chega a atingir até 4m de comprimento. Seus ramos são tortos e latescentes.

As folhas apresentam alta consistência, o pecíolo (cabinho da folha) curto, face inferior aveludada, nervuras principais amareladas na face superior, a planta é monóica, ou seja, possui flores unissexuadas no mesmo indivíduo.

As cores das flores são verde-amareladas, são minúsculas, agrupadas na extremidade de pedúnculos pendentes das axilas das folhas, de maneira singularmente particular dessa espécie.

Essa planta pode ser encontrada com normalmente nas regiões do cerrado do Centro-Oeste Brasileiro. As propriedades desta planta age no combate ao vitiligo.

Características da Mamica de Cadela:

  • O nome “Mamica de Cadela” foi atribuído a ela porque a planta se assemelha à mama de uma cadela.
  • Seu arbusto é lactescente e pode atingir até 4 metros de altura;
  • Suas folhas são simples e de consistência bem firme;
  • Seu fruto é alaranjado e semelhante à mama de uma cadela;
  • Ela tem cerca de 2 centímetros de diâmetro;
  • Seu aspecto é nodoso;

Origem da Mamica de Cadela:

A planta chamada de “Mamica de Cadela” tem esse nome curioso e até engraçado, mas também é conhecida por outros, dependendo da região do país: boloteiro, amoreira do mato, inhare, ipê-do-sertão, pão-de-arara e faveira. Já o seu nome científico é Brosimum Gaadichaudii Trécul, e ela pertence à família Moraceae.

É uma planta bastante comum no cerrado do Centro-Oeste Brasileiro. Suas propriedades no combate ao vitiligo são muito conhecidas (talvez sejam as mais conhecidas quando se refere à Mamica de Cadela), mas ela também é recomendada por alguns pesquisadores no tratamento da esquistossomose (barriga d´água) e doença de Chagas. Contudo, esses não são os únicos benefícios desta planta peculiar.

Benefícios da Mamica de Cadela Para Saúde:

  • A Mamica de Cadela é bastante indicada mas por especialistas para tratar a esquistossomose, mais conhecida como barriga d´água e também a doença de Chagas.
  • A Mamica de Cadela é responsável por auxiliar no emagrecimento por melhorar o trato digestivo e não sofre com as terríveis constipações que tanto incomodam após se alimentar. Limpa o organismo, eliminando as toxinas que são prejudiciais de várias formas e gera saciedade, o que é importante para não exceder a quantia exata de cada horário das refeições.
  • Os frutos são drupas, compostas pelo desenvolvimento e fusão dos ovários das diversas minúsculas flores reunidas, coloração alaranjada, alcançando 3 cm de diâmetro, comestível ao natural ou na forma de sorvete e doces.
  • A Mamica de Cadela é utilizada no tratamento do vitiligo promovendo a repigmentação da pele graças a sua ação fotossensibilizante. Indicada contra gripes e resfriados. Ainda que os estudos científicos a respeito dessa substância não estejam concluídos, de fato vem-se observando a repigmentação de áreas afetadas por vitiligo através de seu uso. Em Cuba existem vários estudos e até resultados concretos.

Como Usar a Mamica de Cadela:

Ela pode ser consumida em forma de extrato, chá ou em forma de loção. Essa última opção você passa o líquido nas áreas prejudicadas com a doença. Veja agora a Receita do Chá de Mamica de Cadela:

Receita do Chá de Mamica de Cadela:

INGREDIENTES:

  • Duas colheres (de sopa) da casca da mamica;
  • 1 litro de água mineral.

MODO DE PREPARO:

  • Aqueça numa panela 1 litro de água com as duas colheres (de sopa) da casca da Mamica de Cadela.
  • Quando a mistura levantar fervura, desligue o fogo e tampe por cerca de 10 minutos. Passados esses 10 minutos, coe, adoce se desejar e tome uma xícara 3 vezes ao dia, na temperatura que desejar.

Onde Encontrar a Mamica de Cadela:

A Mamica de Cadela pode ser comprada em casas especializadas em chás, mercados (também ao ar livre) e em lojas online, caso a sua cidade não tenha nenhuma das opções anteriores.

Por fim, lembre-se: evite a superdosagem e saiba que qualquer tratamento deverá ter acompanhamento de um médico, para supervisionar e alertar sobre quaisquer problemas que possam aparecer. Procure o seu antes de incluir qualquer chá em seu tratamento.

Efeitos Colaterais da Mamica de Cadela:

Não existe nenhum tipo de contra indicação a respeito desta planta. É primordial salientar que as plantas e ervas mesmo sendo medicamentos naturais, podem apresentar várias efeitos colaterais, por exemplo: intoxicação, cegueira e pode provocar coma e até mesmo a morte.

Todas as plantas têm mais de um princípio ativo e algum desses pode ser contra indicado para você. O recomendado é sempre consultar um médico pra falar mais sobre o assunto !

Sair da versão mobile